Primeira release candidate do SP1 do Vista pode estar por dias

A release candidate do service pack 1 do Windows Vista pode estar a dois dias de conhecer a luz do dia, tanto para pessoas creditadas para o testar, como para os utilizadores que fizerem o download de um qualquer site warez – algo que eu desaconselho vivamente.

Sabem porque não aconselho o download da release candidate do service pack 1 do Vista dos sites warez? Primeiro, porque isso é ilegal. Segundo, porque é um risco para a segurança do vosso computador. Terceiro, porque, em principio, a release candidate deverá estar disponível para o público em geral na segunda semana de Dezembro.

Quais serão as novidades desta release candidate? Mais segurança? Melhor desempenho? Maior estabilidade? Não sei porque, duvido. Tenho cá para mim que não vai ser mais que um conjunto de correcções – e talvez ainda mais restrições.

{Fonte: ZDNet}

Windows Vista considerado um dos piores produtos tecnológicos pela CNet

A CNet publicou um top10 daqueles que são, para este site, os piores produtos tecnológicos de 2007 e, caros fãs do Windows Vista, o vosso (quase) sistema operativo adorado está nesse top, em 10º lugar.

Curiosamente (ou não), o Windows Vista é o único sistema operativo a ocupar este lugar, ao lado de maravilhas como os rootkits da Sony e os Tamagotchi. Mas talvez seja apenas má fé da CNet, não é?

Vejamos se é mesmo má fé da CNet. O Windows Vista demorou 5 anos a chegar à versão final. Com este tempo todo, seria de esperar algo de absolutamente fantástico. E realmente é, mas, a julgar pela opinião dos seus utilizadores, fantasticamente mau: sistema muito lento, mesmo depois da aquisição de um computador topo de gama, erros aleatórios, sistemas de segurança que são tudo menos seguros, preço demasiado alto, consumo absurdo de recursos, DRM… É preciso dizer mais?

Talvez não haja má fé da CNet, apenas uma classificação mais realista do Windows Vista. Se calhar é por isso que a Microsoft está tão apressada em lançar o Windows 7, a próxima versão dos sistemas Windows.

{Top 10 da CNet, via Tux Vermelho}

Trabalhador morre devido a explosão da bateria do seu telemóvel

telemóvel rebentado

Já é quase senso comum que os telemóveis podem ser perigosos para a saúde, por causa das radiações. Mas eles têm algo bem mais perigoso: as baterias.

Na Coreia do Sul, um trabalhador de uma pedreira que conduzia uma máquina de terraplanagem, foi encontrado morto ao lado do veículo, com várias queimaduras e lesões no peito. Na sua camisa encontrava-se o telemóvel deste trabalhador, com a bateria rebentada.

A autópsia indica que este trabalhador terá morrido devido à explosão da bateria do telemóvel. A fabricante, que tem sido mantida em segredo, afirma que a bateria dificilmente terá explodido, uma vez que está envolta em folha de alumínio, para que derreta em vez de rebentar.

Casos de explosões de baterias de telemóveis são raros; mais raro ainda são as mortes relacionadas com estas explosões. Mas as explosões das baterias não deixam de ser preocupantes. Em que condições podem ocorrer estas explosões? Até que ponto podem ser graves?

{Fonte: Newlaunches}

Windows com janelas à Mac OS X

Leftsider

Os utilizadores do Windows Vista e Windows XP já podem ter os botões das janelas deste sistema operativo como as janelas do Mac OS X – com os botões à esquerda – graças ao Leftsider, uma pequena aplicação gratuita que fica na tray e permite trocar os botões das janelas do Windows Vista de posição.

{Leftsider, via Lifehacker}

Google Maps com novo modo de visualização

Coimbra no Google Maps

O Google remeteu o confuso e estranho modo Híbrido do Google Maps para segundo plano e introduziu um modo de visualização: uma representação gráfica, a duas dimensões, do terreno.

Este novo modo de visualização do Google Maps chama-se "Terreno" e não é mais que uma representação 2D da área geográfica, com o nome das vias, rios e outras informações incluídas e com o relevo do terreno. É um pouco como o modo de visualização "Satélite", mas sem as imagens aéreas.

O modo Híbrido está agora incluído no modo "Satélite" como uma funcionalidade chamada "Mostrar etiquetas". Quando esta funcionalidade está activa, é adicionada uma nova camada ao modo Satélite com o nome das localizações, vias e a sua representação gráfica. Não é tão confuso como o antigo modo Híbrido, mas também não é muito melhor.

Este novo método de visualização sempre é mais agradável e muito menos confuso que o modo Híbrido, mas até que ponto mais útil?

{Fontes: Download Squad e Google Blogoscoped}

GDrive para breve?

Parece que, pelo menos de acordo com o Wall Street Journal, o tão falado serviço de alojamento de ficheiros do Google, o GDrive, pode estar para breve.

Os rumores sobre este serviço começaram a aparecer, pelo menos com mais força, o ano passado, depois do Google ter feito uma apresentação sobre os futuros projectos da empresa. Nessa apresentação falou-se de algo apelidado de GDrive, onde os utilizadores poderiam guardar os seus documentos, imagens, músicas, vídeo – a sua vida.

De acordo com os vários rumores que têm aparecido e com a apresentação feita, o GDrive não será mais que um serviço de alojamento semelhante ao Box.net ou MediaMax.com, destacando-se apenas na integração com, pelo menos, alguns dos serviços já existentes do Google.

Black Friday – Agora Também Temos Uma

Tal como o título indica, agora também temos em Portugal, e no resto do mundo civilizado, uma Black Friday. Esta tradição é uma tradição americana, que a nós não nos diz nada senão promoções na nossa recente Apple Store Online.

A Apple este ano decidiu fazer duas Black Friday para os americanos, e uma para o resto do mundo, e podemos portanto aproveitar os descontos em Mac’s e iPod’s. Este ano, os descontos já praticados pela Apple na verdadeira Black Friday chegaram a 101$ de desconto nos iMac e MacBook.

Boas compras e que o Pai Natal vos ponha um Mac no sapatinho.

Site | Apple Store Portugal