Novos Drivers Apple para Impressoras e Scanners de todas as Marcas

Normalmente temos uma impressora na nossa rede, para quem tem um MacBook por vezes tem de se ligar a outras impressoras para imprimir coisas, mas nem sempre estamos preparados para isso e assim a Apple lançou uma colecção de Drivers fantástica, cobre praticamente todas as marcas que estão no mercado.

Ou simplesmente para aqueles que querem actualizar as suas drivers, este é sem dúvida uma lista bem interessante. Escolham as vossas marcas e façam o download dos drivers. Para saber mais informação sobre quais os modelos suportados de todas as marcas, vejam aqui a lista.

Epson Printer Drivers for Mac OS X v10.6.1 2.1

Printer and scanner software
Mac OS X 10.6

Epson Printer Drivers for Mac OS X v10.6.1 2.1 Download 288.8MB
Canon Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.1 Download 274.6MB
Brother Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.1 Download 95.5MB
Gestetner Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 19.7MB
Lanier Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 19.8MB
Gutenprint Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 16.1MB
Xerox Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 28.6MB
NRG Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 19.7MB
Savin Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 19.7MB
Samsung Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 17.7MB
FujiXerox Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 38.3MB
Infotec Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 19.5MB
Ricoh Printer Drivers for Mac OS X v10.6 2.0 Download 21.2MB
Lexmark Printer Drivers for Mac OS X v10.6 Download 105.8MB
HP Printer Drivers for Mac OS X v10.5.3 Download 405.MB

Redes neurais, Inteligência artificial e aplicações na Medicina

Redes Neurais

O cérebro humano é considerado o mais fascinante processador baseado em carbono existente, sendo composto por aproximadamente 10 bilhões neurónios. Todas as funções e movimentos do organismo estão relacionados ao funcionamento destas pequenas células. Os neurónios estão conectados uns aos outros através de sinapses, e juntos formam uma grande rede, chamada REDE NEURAL. As sinapses transmitem estímulos através de diferentes concentrações de Na+ (Sódio) e K+ (Potássio), e o resultado disto pode ser estendido por todo o corpo humano.

Esta grande rede proporciona uma fabulosa capacidade de processamento e armazenamento de informação.

Foi pensando em como os neurónios trabalham que pesquisadores desenvolveram neurónios artificiais.O segredo não está na arquitectura dessa rede, mas na forma como ela processa: Redes Neurais não rodam programas, elas aprendem!

A grande vantagem disso é que para executar tarefas, uma rede neural não precisa guardar instruções de comando e executá-las de forma lógica, como num computador tradicional. Ao invés disso, a rede aprende o que é preciso ser feito e executa a função. Dessa forma, uma mesma rede, se ela for capacitada com os neurónios necessários para tal, é capaz de executar várias funções diferentes, independente de espaço de memória. Uma rede neural consegue aprender qualquer função que uma pessoa possa saber e não há limites para a quantidade de informação que ela possa processar.

As redes neurais são principalmente utilizadas para criar sistemas de inteligência artificial. Os computadores tradicionais podem fazer isso de forma simulada, mas sua principal função é seguir regras ou comandos oferecidos pelo usuário. Assim, a inteligência artificial gerada por computadores tradicionais são simulações de inteligência real, ou seja, apresentam respostas segundo regras e comandos de um programa pré-estabelecido.

Já os sistemas de IA baseados em redes neurais conseguem aprender com seus erros e executar diferentes processos, independente de instruções.

Aplicações na Medicina:

Computação Bioinspirada é uma área de pesquisa da Computação que estuda e desenvolve técnicas de Computação inspiradas na Biologia e utiliza estas técnicas para a resolução de problemas práticos.

O aprendizado de máquinas, por exemplo, não está somente relacionado a robôs. Pode ser aplicada a um computador programado para reconhecer materiais microbiológicos, como o DNA. Para isso, o computador agrupa dados biológicos e os classifica. Com isso, é possível, além de fazer o reconhecimento de paternidade, realizar a comparação entre espécies de animais.

“Outra aplicação é na medicina. Se descobrirmos através do reconhecimento do DNA, o que causa determinadas doenças, poderemos saber quem tem tendência a ter quais tipos de problemas”, conta o professor Rodrigo Mello, do grupo de Computação Bioinspirada (BioCom) do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP.

De forma geral, todas as pesquisas trabalham com a compreensão de informações conhecidas no passado, interpretação lógica desses dados e criação de um modelo matemático capaz de expressá-las. “Nessa lógica, quanto mais informações o computador tem como referência, maior são suas chances de acertar”, explica Mello.

Outra aplicação das redes neurais e da AI na Medicina são os Sistemas de Apoio a Decisão Clínica, onde software são desenvolvidos para aprenderem com base nos dados inseridos e ajudarem na análise de dados como imagens de mamografias, colonoscopias ou mesmo dados de acompanhamento clínico para prognósticos.

Fonte: Mundo das Novas, Redes Neurais, Giga Mundo, Notícias Tecnologia USP

Apple lança Novos Drivers para o Magic Mouse


A Apple apresentou o novo Magic Mouse sem fios, o primeiro rato a utilizar a revolucionária tecnologia Multi-Touch da Apple. Utilizada pela primeira vez no iPhone, iPod touch e trackpads em portáteis Mac, a tecnologia Multi-Touch permite aos utilizadores navegar através de gestos intuitivos com os dedos. Em vez de botões mecânicos, rodas ou bolas de deslocação, toda a parte superior do Magic Mouse é constituída por uma superfície Multi-Touch. O Magic Mouse é fornecido de série com o novo iMac e está também disponível como um acessório Mac separado

Contudo a Apple lançou duas actualizações dos Drivers do novo Magic Mouse para o Mac OS X 10.5.8 (Leopard) e Mac OS X 10.6.1 (Snow Leopard). Para quem pretende ir comprar esta pequena maravilha, é recomendado que faça primeiro o download destas drivers e ficar assim totalmente preparado para usar assim que o ligar.

Mac OS X 10.6.1
Wireless Mouse Software Update 1.0 for Snow Leopard
Download 63.9MB

Mac OS X 10.5.8
Wireless Mouse Software Update 1.0 for Leopard
Download 36.2MB

Colecção de Wallpapers Pack 1

Para começarmos de uma maneira soft, vamos lá animar esse desktop!

Nada melhor que um bonito wallpapers para dar vida ao ambiente de trabalho, assim sendo vou colocar aqui o primeiro pacote de uma colecção de Wallpapers para Mac que eu tenho vindo a reunir, espero que gostem.

Para efectuarem os respectivos downloads, cliquem aqui. (via flickr)

Apresentação de João Paulo Pacheco

Olá, o meu nome é João Paulo Pacheco e sou de Coimbra, cidade onde nasci e fui criado desde 1973. Foi muito cedo que comecei a “brincar” com os computadores, o meu primeiro foi um ZX Spectrum 128k +2, era cinzento e já com leitor de cassetes incorporado, tinha eu 8 anitos e já jogava, ainda tenho alguns jogos originais desses tempos relíquias agora. Desde então tive outros computadores e comecei a trata-los por tu. Depois veio o Windows 1.1 e a ligação à Internet, o sistema evoluiu como também as velocidades de ligação.

Tenho acompanhado o crescimento e desenvolvimento do mundo informático, desmontei e arranjei muitos computadores por pura diversão, algo que se tornou como profissão até há pouco tempo. Sempre usei o Microsoft Windows e cheguei a usar o Linux, comecei pelo Red Hat e depois passei para o Fedora, tendo passado por outras distribuições e acabei no Ubuntu. Relativamente ao Windows, desisti quando saiu o Vista, ainda tenho um PC com Windows XP.

No ano passo resolvi oferecer uma prenda à minha namorada, algo especial que representava uma mudança drástica e um passo de evolução para ela, pois ela tal como eu andou pelo Windows mas gostou e gosta mais do Linux. Assim, no dia de anos dela ofereci um MacBook! Claro tive de experimentar e ver como era, algo que não devia ter feito daquela maneira, pois desde esse tempo até agora ela só pegou no portátil 2 vezes…

Experimentei e fiquei logo apaixonado, em mais ou menos 2 horas consegui identificar-me e usar o sistema Mac OS X muito facilmente. Tenho andado como um louco à procura de informação de como usar o Mac OS X da melhor maneira, truques e dicas foi o tema principal de pesquisa, mas encontrava sempre as melhores respostas alem fronteiras.

Depois da MacJanta de Fátima tomei a decisão em organizar a MacJanta de Coimbra em conjunto com outros amigos e a PRO+, já datada para o dia 7 de Novembro e com site aberto para todos poderem participar (MacJanta.com), será algo comemorável. Contudo não quero ficar por aqui e decidi participar em tudo o que fosse Apple e claro que fosse 100% nacional. Conversas feitas com o Cenourinha ele aceitou a minha proposta e a partir de hoje serei um dos colaboradores do Appletuga.com Espero vir a contribuir da melhor maneira que que possa responder a todos os vossos pedidos de ajuda, lembrem-se que sou novo no mundo Apple, mas tenho vindo a reunir alguns conhecimentos e é basicamente isso que pretendo partilhar.

Futuramente iremos ter mais novidades e estamos abertos a ideias e propostas.

Poderão me encontrar no Twitter @JPPacheco,
ou visitar o meu site pessoal em: www.joaopaulopacheco.com

Grato pelo tempo que dispensaram a ler esta pequena apresentação e vemo-nos em breve, até lá: “Há que dar a trinca”

Instalar o WordPress pelo cPanel em 3 minutos

Hoje em dia o alojamento de um site está cada vez mais acessível e qualquer pessoa pode fazer a instalação do seu próprio blog, fórum ou portal utilizando as ferramentas opensource e gratuitas disponibilizadas pelas comunidades.

Desta forma decidi fazer um video-tutorial que o ensina a como instalar o WordPress na sua conta de alojamento partilhado em cerca de 3 minutos. Espero que gostem.



Ver em fullscreen para melhor qualidade

Ah… e não se esqueçam, caso precisem de alojamento, passem pelo WebTuga Hosting 🙂

RIP GeoCities

26 de Outubro de 2009 fica na história como o dia em que o serviço GeoCities da Yahoo foi encerrado.

Quando foi lançado em 1994, o serviço permitiu a milhares de cibernautas criarem as suas páginas pessoais e afins e partilhá-las com o resto do mundo. Muito por culpa das redes sociais, o GeoCities chegou ao fim.

Sem dúvida que marcou uma geração e nos foi muito útil. Quem não se recorda das já míticas páginas com fundos berrantes, das imagens animadas em .gif a piscarem por todo o lado ou das clássicas páginas com conteúdos escolares de onde retirávamos (por vezes, integralmente) os resumos dos textos para trabalhos da escola?

Independentemente disto, a Yahoo, que já encerrou os registos para o GeoCities há algum tempo atrás, também irá apagar todos os dados das páginas GeoCities.
E é por esta razão que uma equipa de arquivistas está a tentar recolher o máximo de páginas possíveis para que toda esta informação não desapareça sem deixar rasto.
A título de curiosidade, a equipa estima conseguir recolher cerca de 10 terabytes de dados.

RIP GeoCities e obrigado pelas vezes que nos safaste!

Dilema: Ter uma empresa “web based” ou marcar a presença da sua empresa na Internet?

No século XXI a Internet tornou-se o principal meio de comunicação do globo. Com esse avanço as empresas começaram a estudar maneiras de rentabilizar mais os seus serviços divulgando-os neste meio.

Hoje em dia web sites de empresas, sejam lucrativas ou não, são base em qualquer pesquisa que façamos. Tendo um web site de uma empresa é como se essa empresa estivesse disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano, exceptuando-se tempo de manutenção. Isto para muitas empresas é fulcral.

Pois bem, vamos agora ao dilema que me traz aqui hoje. O que será melhor, ter uma empresa “web based” ou marcar a presença da sua empresa na Internet?

Existem várias variantes a estudar neste tema, mas vou tentar falar das mais relevantes.

Uma empresa “web based”, como eu disse em termo de sarcasmo, é uma empresa que existe apenas na Internet, o espaço de trabalho é usualmente um escritório na casa de alguém e conta com uma ou duas pessoas que dividem os gastos e os lucros. Estas empresas são maioritariamente ilegais ou então micro-empresas. Quem opta por este tipo de trabalho são desempregados ou pessoas com algum tempo livre, criatividade e vontade de ganhar umas massas extra no final do mês. Os principais serviços destas empresas são a prestação de serviços web, ou seja, design e programação de sites e aplicações, criação vectorial, desenvolvimento de conteúdo, SEO (Search Engine Optimization), marketing entre muitas outras.

Estas empresas são bastante úteis quando, vestindo a pele de um webmaster, precisamos de um “pequeno serviço” sem o recursos a direitos registados e burocracias demoradas. Estas empresas tem uma relação trabalho-pagamento meramente via web, sem reuniões em escritórios e cafés “chiques” e uma relação qualidade-preço bastante atractiva.

Visto isto você já conseguiu entender que é uma área lucrativa, mas atenção, tem as suas ilegalidades, mas confessemos, que fisco correria atrás de um jovem mascarado através de um IP?

Agora virando o rumo para o sentido oposto, marcar a presença da sua empresa na Internet. Vestindo-nos agora de analistas de marketing, porque precisaríamos da nossa empresa na Internet e quais as vantagens disso? A resposta é simples. Publicidade e Lucro. São as duas palavras essenciais para o correcto funcionamento de uma empresa.

Qualquer tipo de empresa, seja regional ou internacional, seja de uma construtora ou de uma desenvolvedora de software tem como principal objectivo o LUCRO. Pois é, sem ele nenhuma empresa se mantém em pé. E de que maneira um site pode trazer lucro a uma empresa? É simples, sendo um meio de fácil transmissão de informação, com um pouco trabalho fazemos chegar as nossas ofertas a todo o mundo. Vantagens? Sim, não gastamos dinheiro em folhetins e anúncios televisivos, não necessitamos de tanta gente envolvida na parte da publicidade, e isto tudo quase que se faz automaticamente, os motores de busca e as comunidades fazem toda a distribuição por si.

Estas empresas apenas “publicitam” as suas ofertas na Internet, geralmente, toda a tarefa de reunião e contratos são feitos e assinados localmente na sede dessa mesma empresa. Todas as acções são legais, exigem as suas tais burocracias mas é tudo feito legalmente, com impostos, recibos, contratos, daí o preço do produto final ser bastante maior do que na média das empresas “web based”.

Vantagens? Sim, é tudo legal e é geralmente um trabalho mais profissional, não querendo eu menosprezar as outras empresas “web based” atenção.

Tendo você encarando estas duas realidades distintas diga-nos agora a sua opinião em relação a isso, se tem algum destes tipos de empresa, se concorda ou se discorda, seja criativo.

Túneis

Enviaram-me este jogo, The Missile Game 3D, e o que à partida era um jogo ao qual nem achei grande piada, tornou-se num daqueles vícios, em que a teimosia não nos permite largar o rato até passar-mos para o próximo nível, e depois para o próximo, e o outro a seguir, e depois é só mais um… enfim acho que perceberam a ideia.

Deixo o aviso, o jogo tem um nível de dificuldade elevado, acredito que a maioria nem passe do nível de “Qualificação”, e isso pode tornar o jogo frustrante. Mas se estiverem em competição com alguém para ver quem vai mais longe… depois de uns treinos e de passar o nível de qualificação vai ser difícil parar de jogar.
missil jogo

Para quem achar que o primeiro jogo é de loucos e que ninguém consegue jogar aquilo, deixo uma segunda sugestão “Run“, ou seja corram (e saltem). É também um jogo em túnel, como o primeiro, mas com um nível de dificuldade bastante mais acessível, sem perder no divertimento. Neste caso a ideia é correr e saltar sem cair no infinito. Uma dica tentem andar nas paredes. 😉
run jogo