Como instalar o iOS 6 Beta

Como Instalar e Activar a versão Beta do iOS 6
no iPhone 3GS, iPhone 4, iPhone 4S, iPod Touch 4G, iPad 1/2/3 e Apple TV 2/3
sem ter conta de Developer com UDID registado


– Guia e Tutorial completo –

Todos devem estar em pulgas para ter a novíssima versão do iOS 6, mas ainda está em Beta e não é para todos, ou poderá ser ? ….

Pois bem, Um fórum chinês muito conhecido e autêntico, lançou os Links Oficiais “iOS beta IPSW 6 Update Software Firmware” para todos os iDevices incluindo iPhone 3GS, iPhone 4, iPhone 4S, iPad, iPad 2, o novo iPad 3, iPod Touch 3G/4G, a Apple TV, Safari 6 entre outros iOS 6 softwares.

Estas ligações do iOS 6 que apareceram já se espalharam na internet, porque depois de algumas horas ficaram automaticamente activos para o público em geral e programadores do iOS. Agora, os utilizadores do iOS serão capazes de descarregar os firmwares iOS 6 beta ipsw de atualização de software diretamente dos servidores da Apple.

De acordo com as fontes, os Programadores do iOS terão acesso à primeira versão beta do 6 iOS e os clientes iOS podem esperar para ver as atualizações do software diretamente dos seus iDevices através da Apple via OTA (Over-the-Air) no Outono deste ano, ou podem também descarregar directamente e instalar o iOS 6 atraves dos seus computadores via iTunes.

Os ficheiros completos do iOS 6 ipsw arquivos de instalação do firmware são divididos em duas versões distintas, uma é a versão do Consumidor e outro é a versão Enterprise.

Se você não for um programador do iOS então não se preocupe, ainda pode descarregar e instalar o iOS 6.

Primeiro faça um backup completo da sua versão com o iTunes, mas tenha em mente que o software beta tem sempre bugs e problemas de compatibilidade.

 

# Download iOS 6 Beta

Links Externos do iOS 6 beta IPSW Firmware:

Actualmente, apenas links não oficiais já activados estão disponíveis para iOS 6 beta.

Torrent Links do iOS 6 beta IPSW Firmware:

Links Oficiais de download direto da Apple iOS 6 IPSW Firmware:

Utilizadores e Programadores da Apple pode descarregar os ficheiros e configurações do iOS 6 beta diretamente dos servidores da Apple.

Apple’s Third-generation (3rd) The New iPad 3 iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s iPad 2 iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s iPhone iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s iPod Touch iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s TV iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s Safari 6 iOS 6 IPSW Firmware:

Apple’s Other iOS 6 Software Updates:

 

# Download iOS 5.1.1

Links directos da Apple do iOS 5.1.1 IPSW Firmware:

 

# Tutorial e Directrizes

Para realizar esta operação, é necessário ter a versão do iTunes 10.6.3 instalada, se não tiver pode descarregar directamente da Apple aqui.

Estes passos é para os que não têm uma conta com Delevoper UDID Registado

  1. Primeiro faça o download dos pacotes e softwares fornecidos acima.
    (iOS 6 IPSW, iOS 5.1.1, iTunes)
  2. Criar um backup via iTunes
  3. É necessário ter uma instalação limpa da versão iOS 5.1.1
    1. Se tiver o dispositivo com Jailbreak:
      1. Ligue o aparelho ao iTunes via USB
      2. Coloque-o em Modo de Recuperação primindo o botão do Power e Home ao mesmo tempo até ele se desligar (+/- 10 segundos) largar o botão do Power ficando a primir o botão do Home até aparecer no iTunes uma mensagem
      3. Agora poderá repor a versão 5.1.1
    2. Se não tiver o dispositivo com Jailbreak:
      1. Ligue o aparelho ao iTunes via USB
      2. Assim que o dispositivo aparecer na barra lateral esquerda, clicar nele
      3. Carregar nas teclas Alt+Option (Alt+Ctrl ou Shift no Windows) e clicar em Restaurar no painel principal
      4. Escolher a versão iOS 5.1.1 .IPSW já descarregada e efectuar a restauração
  4. Activação e configuração do dispositivo
    1. Siga as instruções e active o dispositivo
    2. Criar uma configuração nova
    3. Não é necessário repor o backup neste ponto, pode cancelar.
  5. Instalar o iOS 6.0 beta
    1. Abrir o iTunes e ligar o dispositivo via USB
    2. Assim que o dispositivo aparecer na barra lateral esquerda, clicar nele
    3. Agora carregar nas teclas Alt+Option (Alt+Ctrl ou Shift no Windows) e clicar em Procurar actualizações no painel principal.
    4. Escolher a versão escolhido para o dispositivo em questão do iOS 6 .IPSW já descarregada
    5. Clicar OK e deixar o iTunes fazer a sua magia.
    6. Parabéns !!! Conseguiu instalar e activar com sucesso o iOS 6

 

Fonte: TechGlobeX

Nova Homepage Sapo beta

Sapo beta

O portal Sapo anunciou a poucos minutos a versão beta do seu novo portal, revelando assim um aspecto mais limpo e fácil de navegar.

A nova barra de topo torna o acesso aos vários serviços do Sapo bastante rápido, permitindo assim a que as pessoas consigam chegar onde querem sem a necessidade de andar a procurar no meio do restante conteúdo.

Esta nova homepage não só demonstra novidades a nível da aparência, mas também a nível de código pois toda a página utiliza HTML 5.

Sapo beta homepage

Palavras para quê, aponte já o seu browser para http://beta.sapo.pt e veja o resultado com os seus próprios olhos.

Microsoft Morro ou Microsoft Security Essentials

Microsoft Security Essentials beta

Certamente já ouviram falar do Microsoft Morro, uma ferramenta que a Microsoft estaria a desenvolver para proteger o seu sistema operativo, uma espécie de Anti-virus.

Pois muito bem, o Microsoft Morro Beta já está disponível, no entanto com outro nome, Microsoft Security Essentials Beta.

Segundo a Microsoft, os utilizadores não querem passar metade do seu tempo gasto no computador a manter o sistema seguro livrando-o de vírus, trojans, spywares e ad-wares (é verdade, é por isso que eu raramente uso Windows!), portanto o Microsoft Security Essentials vai correr como processo em background e não o vai chatear com alertas e outro tipo de tooltips.

A Microsoft diz também que o Microsoft Security Essentials vai gastar poucos recursos no sistema.

Sendo gratuito, leve e livre de alertas, parece uma boa alternativa a qualquer anti-vírus pago que existe por ai, no entanto falta saber até que ponto vai proteger o sistema a pessoas que não têm conhecimentos avançados.

Podem fazer o inscrever-se na como beta testers e fazer o download da aplicação aqui.

Ah… esqueci-me de informar, quem não tem o Windows válido já sabe que fica com o sistema vulnerável… ou pelo menos não usa o Microsoft Security Essentials.

Mac OS X Snow Leopard Beta

Segundo o Gizmodo, uma nova versão do MacOSx Snow Leopard Beta foi disponibilizada para os beta testers.

Com o id 10A335, a Apple não anunciou nenhuma nova funcionalidade, no entanto a versão servidor contem uma versão mais fácil de utilizar do Podcast Producer, novos filtros anti-spam para o servidor de e-mail e outras pequenas alterações.

Trillian Astra beta

Quem gostar de programas de IM multi-protocolo deve conhecer o Trillian.

E o Trillian tem novidades… A equipa do Trillian abriu a beta ao público.

Agora é possível entrar na beta do Trillian Astra (só Windows por enquanto).

Para quem não conhece o Trillian pode ver screenshots aqui.

A beta consiste de 30 dias usando a versão pro, quem depois quiser continuar a usar o Trillian Astra beta tem 2 opções, ou pagar ou então usar a versão free.

Para aderir a beta do Trillian Astra basta ir a este link, preencher os campos e depois esperar por um e-mail com toda a informação necessária.

DestroyTwitter 1.5 & Website

Como alguns de vocês devem saber, existem varios clientes (ja falados aqui no webtuga) para o Twitter. E eu não postava aqui uma noticia se isto fosse so um update normal, pois isso acontece quase todos os dias…

Mas hoje, um dos clientes do twitter que mais tem vindo a crescer, o DestroyTwitter que ja conta com mais de 55 000 instalações (só desde 1 de Janeiro de 2009, dia em que foi lançado), lançou não só a versão 1.5.1 como também lançou um website dedicado ao software.

Nesta versão 1.5.1 é possivel criar themes para o nosso programa, por isso cada pessoa pode ter o DT (DestroyTwitter) à sua maneira. Isto é muito simples de fazer graças ao novo site que conta com um “theme builder“.

Basta pôr as cores ao vosso gosto, e carregarem onde diz “download”. Isso vai fazer com que vocês façam download de um ficheiro .dtwt e basta clicar 2 vezes em cima do ficheiro para o utilizarem como o vosso theme no DT.

Esta versão nova conta também com um sistema para ver as imagens do Twitpic dentro do proprio DT, ou seja basta clicar num link de uma foto que esteja no twitpic para a verem dentro do DT. Depois podem escolher entre fechar a imagem ou abrir a imagem num browser.

Aqui está um exemplo:

Na minha opinião, vale bem a pena experimentar!

Windows 7 touch

Como paior parte de vocês deve saber, o Windows 7 ja está em fase beta e deve estar pronto para o publico em geral até ao fim deste ano, o mais tardar no inicio de 2010.

Mas o que eu vos quero mostrar hoje, é uma das “features” mais importantes deste novo Win7, o suporte de touch screens.

Portanto aqui vai uma pequena apresentação desse “feature” (peço desculpa por estar em inglês), e mais não digo, vejam o video…

SouSocial – Uma rede social Portuguesa

Sou Social

A SouSocial , a sua nova Rede Social Portuguesa, não tem como objectivo fazer concorrência as grandes redes sociais como Hi5, Facebook por aí fora, mas sim juntar uma comunidade de povo Português numa só rede. Cada utilizador é livre de se registar e fazer as suas amizades com outros membros da rede.

Pelo que verifiquei, o site é bastante interessante e bastante objectivo, tendo uma navegação simples, o que em conjunto faz tudo o que é necessário em uma rede social.
O utilizador pode:

  • Criar o seu blog – para quem gosta de escrever e dar o conhecimento das ultimas novidades sobre a tecnologia e outros temas (como eu).
  • Criar o seu grupo – Poderá criar grupos, privados ou não.
  • Criar o seu álbum – Onde poderá partilhar fotos, por exemplo das suas saídas à noite ou de viagens e momentos com o seu grupo de amigos.

Falta frisar que está a decorrer um passatempo onde poderá ganhar um iPod Touch 16gb (também quero!), onde será sorteado o perfil vencedor no dia 31 de Maio de 2009.

Passatempo

Conclusão:
Apesar de ainda ser uma versão “Beta” e se encontrar com uns pequenos erros em que o utilizador poderá reportar e ajudar a melhorar, só tenho a dizer uma coisa, nada melhor que uma comunidade portuguesa, apoiem o que é nacional.

Eu já lá estou (ai não que não estou… com um sorteio de um iPod Touch? :P), junta-te à rede.

Cloudo – Web OS já está na versão Beta

Já por aqui se tinha falado do Cloudo, um sistema operativo web. Recordando um pouco a memória da malta, o Cloudo é basicamente um sistema operativo a correr no nosso browser e que irá fornecer muitos recursos, tal como a sincronização automática de ficheiros no nosso computador com o nosso computador online, a partilha de ficheiros e o acesso aos ficheiros a partir de um terminal móvel.

Cloudo Web Os

No início do ano passado, o Cloud encontrava-se na versão alfa. Presentemente, este web OS já se encontra na versão beta e disponível ao público. Estive a experimentá-lo por algum tempo e deu para ver que ainda está a precisar de vários ajustes. O registo para o nosso Cloudo não pedia um e-mail, apenas o nome, username e password, o que significa que na perda de memória ou extravio da nossa password, dificilmente recuperava-se o nosso desktop online. Já com o login efectuado encontramos um desktop limpo muito Vista-alike mas, rapidamente vi nas opções de visualização que existiam vários skins tanto para Windows como para Linux e Mac.

Outro factor curioso é aquilo que refere: sincronização de ficheiros entre computador de casa e o da web e a partilha de ficheiros. Não encontrei referência nenhuma no desktop online sobre esses serviços. Até experimentei o drag-and-drop para ver se aceitava ficheiros mas nem isso resultou. A versão beta ainda se encontra muito limitada.

Se mesmo assim têm curiosidade em experimentar o Cloudo, basta aceder ao seguinte link.

Vídeo da Instalação do Windows Se7en


(Vídeo: Instalação Windows Se7en)

Ontem decidi inscrever-me no programa de beta testing publico para o Windows Se7en. Fiz o download sem qualquer dificuldade, ao contrário de algumas pessoas que tiveram dificuldades na transferência da imagem do Windows 7. No entanto não percebo porque é que a Microsoft não utilizou tecnologia Bittorrent para disponibilizar o ISO do Windows 7, tal como sugerido pelo Carlos Martins.

Para instalar o sistema operativo necessitava de uma drive de armazenamento com algum espaço e não podia ser USB, portanto lá pesquisei e encontrei um vídeo onde explicava como abrir o WD MyBook e retirar o disco rígido. É bastante fácil, basta um pouco de esforço para retirar a capa exterior e por dentro temos o disco rígido (green product), e um adaptador Sata -> USB.

Inscrevi-me no programa beta do Windows 7, foi-me dada uma chave e fiz o download do iso pelo Macbook e lá gravei a imagem para um DVD. Em seguida retirei o disco Sata do meu computador e substitui-o pelo disco do Western Digital.

Coloquei o DVD na drive dvd, liguei o computador e arranquei pelo DVD. Formatei uma das partições que tinha no disco em Fat32, o que foi um pouco confuso devido ao gestor de partições. A instalação foi bastante rápida, apesar de ao início demorar a descompactar os ficheiros.

Ao fim de alguns minutos tinha o Windows 7 instalado e a correr perfeitamente. A primeira coisa que me lembro de acontecer ao entrar no sistema pela primeira vez foi ver uma tooltip de aviso. Abri a tooltip e o Windows Se7en já tinha detectado que não tinha nenhum Anti-vírus instalado e portanto estava-me a sugerir procurar alguns online.

A barra de tarefas cá no fundo está um pouco diferente, no entanto é um bocado estranha pois junta as aplicações abertas com as aplicações favoritas.

O menu iniciar está bastante semelhante ao Windows Vista, nada a apontar. Quanto ao Windows Explorer tem agora mais opções de organização, ocultar ou não detalhes, mostrar título da pasta na parte superior e ocultar barras laterais.

Se existe algo que melhorou no Windows 7 foi mesmo o Paint, que agora tem brushes e Shapes e está muito mais rico a nível visual e de ferramentas.

Existe também agora um novo jogo, onde o jogador é colocado no papel de um Pasteleiro e tem que fazer o bolo como o cliente pediu. Engraçado, mas o nível de dificuldade do jogo é zero, o que irá facilmente aborrecer pessoas com mais de 10 anos.

Uma coisa que me chamou à atenção foi o Windows Update, que agora não se limite a mostrar actualizações para o software Windows, mas também nos mostra actualizações disponíveis para as drivers e firmware do nosso hardware (placa gráfica, monitor, placa de rede, placa de som, etc).

Internet Explorer 8 parece estar mais estável, faz a renderização das páginas muito melhor, tem um scrool bastante mais leve e tem uma feature bastante interessante, Sites Relacionados. Penso que utiliza uma API do Google ou do Alexa para verificar isso, ou então é algo inside Microsoft.

Gostei também da PowerShell v2, uma aplicação simples que nos permite escrever pequenos scripts shell, bastante útil para executar pequenos comandos quando necessário.

Ao clicar-mos nos periféricos de rede, temos a possibilidade de ver o software que está a correr na rede e a porta que este está a utilizar.

Pouco de novo apresenta, no entanto parece fazer uma melhor gestão dos recursos. Vamos ver o que a Microsoft nos revéla em próximas beta releases.