WordPress 2.9.1

WordpressUma nova versão do WordPress está disponível corrigindo alguns erros de menor significância como o agendamento de posts e pingbacks que falhava em alguns servidores devido a incompatibilidades.

O WordPress 2.9.1 pode ser actualizado automaticamente através do painel de controlo em Tools > Upgrade.

Pode ver aqui o anúncio oficial do lançamento desta versão do blogging system.

WordPress 2.8.6

O WordPress é um CMS (Content Management System) optimizado para blogs e pequenos sites, mas que pode ser muito facilmente adaptado para outros projectos graças à quantidade de plugins e themes disponíveis para a plataforma.

Foi lançada à menos de 1 hora a actualização para o WordPress 2.8.6, recomenda-se a todas as pessoas que utilizem esta plataforma, que efectuem a actualização.

A actualização pode ser efectuada manualmente pelo painel de administração do seu wordpress ou através do pacote de instalação obtido no WordPress.org.

Instalar o WordPress pelo cPanel em 3 minutos

Hoje em dia o alojamento de um site está cada vez mais acessível e qualquer pessoa pode fazer a instalação do seu próprio blog, fórum ou portal utilizando as ferramentas opensource e gratuitas disponibilizadas pelas comunidades.

Desta forma decidi fazer um video-tutorial que o ensina a como instalar o WordPress na sua conta de alojamento partilhado em cerca de 3 minutos. Espero que gostem.



Ver em fullscreen para melhor qualidade

Ah… e não se esqueçam, caso precisem de alojamento, passem pelo WebTuga Hosting 🙂

Is My Blog Working?

Is My Blog Working

Is My Blog Working é o nome de um novo web service que lhe permite verificar o estado do seu blog, se o mesmo está online, que plataforma utiliza, qual o nome do theme utilizado, qual o tempo de resposta, se o rss feed está acessível, se existe um robots.txt, quantos resultados são encontrados no Google e muito mais.

Poderá também subscrever o RSS feed do estado, possibilitando-lhe o acompanhamento do estado do seu blog através do seu leitor de RSS Feeds.

So, Is My Blog Working?

Click here for to learn more about how to start a blog.

WordPress 2.8 – Download

Wordpress 2.8

Bom dia a todos, hoje foi lançada a nova versão do WordPress, a versão 2.8.

Na versão 2.8 podemos encontrar algumas novidades interessantes como a instalação de themes automática através do directório oficial tal como já era possível nos plugins.

É agora também possível editar todos os ficheiros que fazem parte de um determinado plugin e para além disso, os editores de plugins e dos ficheiros do theme têm agora um code highlighter que coloca o código colorido separando a sintaxe de forma a ser mais fácil de editar.

É recomendável a actualização a todas os utilizadores desta ferramenta, no entanto deverão ter em atenção que antes de qualquer actualização, será necessário fazer o backup da base de dados e desactivar os plugins para evitar problemas.

Como de costume, para fazer o upgrade basta clicar no link que irá aparecer no topo do painel de administração do seu WordPress avisando-o da actualização ou então através do menu “Tools > Upgrade”.

Barcamp CMS – Gestão de Barcamps

Barcamp CMS

Nos últimos tempos têm surgido eventos que colocam os geeks em terreno, tirando-os da sua cadeira e colocando-os frente a frente com outras pessoas da sua espécie (geeks).

Este fim de semana que passou por exemplo, houve um evento em Coimbra chamado BarcampPT.

Organizar este tipo de eventos requer um pouco de trabalho, visto que existem sessões de apresentações e é um pouco complicado gerir quando todas as pessoas querem participar.

Para isso, uma equipa de programadores desenvolveu o BarcampCMS, um Sistema de Gestão de Conteúdos e Eventos para Barcamps, este sim baseado em WordPress, que facilita a vida a quem está a organizar o evento.

Basicamente este CMS é o WordPress artilhado com um conjunto de plugins, o que lhe permitirá ainda optar por outros plugins caso conheça.

BarcampCMS

Mais uma vez o WordPress demonstra as suas potencialidades como Content System Management, facilitando rapidamente a criação de um sistema totalmente diferente de um blog.

Poderá encontrar mais informações na página do projecto alojada no Google Code, bem como as instruções de instalação

WordPress 2.7 Coltrane – Download

Ainda ontem estava eu a falar do WordPress 2.7 RC 2 e hoje já vos estou a escrever no WordPress 2.7 final.

O WordPress 2.7 Coltrane vai facilitar a vida a qualquer pessoa que o use, permitindo-lhe fazer a instalação e actualização de plugins directamente pelo backend e ainda actualizar o WordPress para futuras versões automaticamente sem ter que se aborrecer a fazer o download de ficheiros para o seu servidor.

Veja este excelente vídeo elaborado com as principais novidades do WordPress 2.7 Coltrane.

Faça já a actualização do seu blog para o WordPress 2.7.

Drupal – Melhor CMS de 2008

Drupal LogoJá aqui tinha feito uma comparação entre as vantagens de utilizar o WordPress em vez de Joomla, no entanto nunca coloquei o Drupal ao barulho.

O facto é que nunca estudei ao pormenor o Drupal, portanto pouco posso falar acerca dele. Daquilo que vi no Drupal, este parece ser um pouco complexo a nível de gestão, mas isso não quer dizer que venha a tornar-se de fácil gestão com estudo e empenho.

O Drupal tem ganho vários prémios internacionais de melhor CMS (Content Management System). Recentemente foi premiado com o prémio de Melhor CMS Open Source Global e Melhor CMS baseado em PHP no evento CMS Awards 08.

Para além destes prémios, o seu criador, Earl Miles foi considerado uma das pessoas com mais valor no mundo dos CMS Open Source.

Existem bastantes sites, não só pessoais como também comerciais, que utilizam o Drupal como plataforma, entre eles podemos encontrar o site do jornal The Onion, o 24 Horas da Suiça, o site do cantor Bob Dylan, a ICANN, as Nações Unidas e até mesmo o SourceForge no seu site corporativo.

OpenSource PHP – Colecção de scripts em PHP

OpenSource PHPOpenSource PHP é um directório de scripts e CMS (Content Management Systems) em PHP.

Como o próprio nome indica, todos os scripts disponibilizados são código livre. No site podemos encontrar aplicações para criar galerias de fotos online, sistemas de Wiki, gestores de base de dados e até mesmo software para a criação de redes sociais.

Tenho seguido o site todos os dias e por incrível que pareça, todos os dias encontro algo que tinha procurado no passado.

Por aqui este já está nos meus favoritos e tenho a certeza que fará muito jeito a alguns dos nossos leitores.

Why does Joomla really sucks – Porque é que o Joomla não presta

Joomla Logo

Como é do vosso conhecimento, o WebTuga usou a plataforma Joomla durante cerca de 1 ano, portanto serve este post para vos contar a nossa experiência neste CMS.

O Joomla é um CMS ( Content Management System ), licenciado sob a GNU General Public License, que permite criar desde pequenas páginas, a grandes portais.

Neste caso, o Joomla seria adaptado a plataforma de blogging.

Antes de tudo, a maioria dos themes disponíveis e com alguma qualidade são pagos ou é necessário entrar num clube com subscrições premium anuais ou algo do género, e a criação de themes para Joomla torna-se bastante complicada para o utilizador comum, portanto ou compra um theme, ou então fica com um site visualmente fraco.

A instalação do Joomla é bastante simples, como qualquer outro CMS que usei até hoje, no entanto quando chega à hora de fazer actualizações para novas versões, ai temos graves problemas, pois a maioria dos módulos, dos componentes e dos mambots deixam de trabalhar.

Com uma instalação do Joomla e com um theme já escolhido, chegou a hora de importar os artigos do WordPress. E aí é que temos mesmo um grave problema.

No WordPress os artigos estão separados por categorias e por sua vez, o Joomla separa os artigos por Secções e Categorias, tornando assim a importação muito mais complicada.

Para fazer a importação, foi necessário exportar a base de dados do WordPress em excell, dividindo os campos dos artigos por colunas e criar uma nova folha de Excell com os comandos MySql e com a estrutura da tabela dos artigos do Joomla. Tudo isto foi um processo feito manualmente e que após da importação, deu ainda mais trabalho, pois tivemos que definir as secções e categorias dos artigos, um a um.

Apesar de ambos terem o código aberto, ainda ninguém foi capaz de desenvolver uma aplicação que importa-se tudo automaticamente de um WordPress para o Joomla, mas nós, com uns testes e umas brincadeiras, lá conseguimos em menos de um dia, converter todos os artigos para Joomla.

Feita a conversão, foi necessário adaptar o Joomla a plataforma de blogging. Tivemos portanto que pagar uma licença de um componente para comentários, pois o Joomla não traz por defeito nenhuma.

Além disso, foi necessário um novo componente para criação de RSS feeds, pois as rss feeds que o Joomla criava eram simplesmente pobres, pois apenas mostrava parte do conteúdo.

Colocamos os artigos ordenados por data na FrontPage e assim ficou a nossa plataforma de blogging em Joomla, no entanto sem algumas necessidades como uma ferramenta para pingar os serviços web, quando criados novas entradas.

O Blogging é um hobbie e portanto deve ser fácil criar posts e comentários, no entanto não era isso que o Joomla fazia. O editor do Joomla, não era compatível com o Firefox 3 por exemplo, o que fazia com que aqueles que não estivessem tão habituados a mexer em HTML, tivessem algumas dificuldades a escrever.

Para além disso, quando necessitávamos de alterar algo no template, tornava-se uma tarefa um pouco complicada.

Finalmente, um ano após trabalhar em Joomla, consegui converter os posts do Joomla para WordPress e os comentários do Jomcomment para a tabela dos comentários do WP e aqui estamos nós, felizes da vida, com a melhor plataforma de Blogging.

Por isso, se estão a pensar em criar um blog, ou um site, ponham o Joomla de parte, pois não é uma opção muito agradável.