XLParty já dia 1 de Julho

Meo XLPARTY é o maior festival Português de Videojogos e entretenimento
tecnológico. Este festival é em rigor, o novo entendimento das festas do
futuro, um evento de novas tecnologias, entretenimento, divertimento e
espirito de equipa num ambiente de inovação e experimentação
tecnológica.

A partilha de experiências numa verdadeira rede
cyber cultural e as competições na vertente dos electronic sports são,
os grande motivos de interesse para os mais de 1.000 jovens
participantes no festival.

Os visitantes podem encontrar no evento vários motivos de diversão entre os quais destacamos os seguintes:

– Zona de Torneios e de Música
-Zona de Consolas e Simuladores
-Zona de Astronomia e Shows de Física
-Zona de Urban Culture e Desportos Radicais
-Zona de Gadgets e Retrogames

Durante 3 dias de pura adrenalina é possível viver experiências únicas na Festa do Futuro!

Homepage: www.meoxlparty.com

WebTuga Hosting – Servidores de Counter-Strike 1.6

Servidores de Counter-Strike

O WebTuga Hosting decidiu apostar na venda de servidores de jogos e tem agora os servidores a preços fantásticos.

Imagine pagar 1€ por cada slot em servidores de Counter-Strike 1.6 Steam ou Non-Steam, com o mesmo número de slots para servidor de voz TeamSpeak e ainda 50MB de alojamento com subdomínio webtuga.net sem pagar mais por isso.

Acha isto impossível? Pois bem, o WebTuga Hosting não…

Todos os servidores são tráfego nacional e os pings são bastante baixos.

Não diferenciamos caso o servidor seja publico ou privado e ainda oferecemos acesso ftp a todos os ficheiros do gameserver e à edição de alguns parâmetros, permitindo assim a qualquer um personalizar o servidor ao seu gosto.

Para já estão disponíveis servidores de Counter-Strike 1.6, mas em breve iremos apostar em outros jogos online.

E agora é a vossa vez de nos sugerirem qual os servidores de jogos que gostariam que o WebTuga Hosting disponibilizasse?

Como instalar o KDE 4.1 beta 1 no Ubuntu 8.04

kde desktop kde 4.1 ubuntu

Ainda não chegou à versão final, mas já está disponível para o Ubuntu e respectivas variantes um repositório com a primeira beta do KDE 4.1. Como esta não é ainda a versão estável deste gestor de desktop e eu não tenho paciência para estar a usar um desktop potencialmente não tão estável como eu gostaria, prefiro não adicionar este repositório por enquanto. Mas quando a versão final sair, é a primeira coisa que faço.

Entre as muitas novidades desta primeira beta do KDE 4.1 estão o maior número de aplicações já a utilizar o QT4 – como o Kontact, a PIM do KDE -, mais opções de configuração do desktop e a maior maturidade do Plasma, um componente essencial do KDE4.

As instruções para adição do repositório e instalação do KDE 4.1 beta 1, assim como a link do repositório, estão no site Ubuntugeek.com. Usem, mas não abusem. 😛

Rapidshare – Novo design, aumento dos limites e o novo TrafficShare

Rapidshare site

Muito se tem falado acerca do sistema de protecção CAPTCHA ridículo usado pelo Rapidshare, no entanto o Rapidshare parece não estar para ai virado e empenhou-se a melhorar o seu site a outros níveis.

O RapidShare apresentou hoje a sua nova interface, com um novo logótipo e grandes novidades para os utilizadores premium.

Agora os utilizadores Premium, em vez de terem um limite de 25GBs de downloads por cada 5 dias, têm o dobro desse tamanho, ou seja, viram o seu limite de download dobrado para os 50GBs.

Para além disso, uma grande novidade é o TrafficShare que permite fazer com que os seus ficheiros estejam disponíveis para download directo sem que os free users tenham que esperar pelo tempo imposto pelo RapidShare ou necessitem de preencher o CAPTCHA. Este serviço terá um preço adicional.

A página está bastante mais limpa, sem excessos de publicidade, adoptando por uma filosofia minimalista.

Ferramentas e dicas de blogging

Ferramentas para Blogar

Hoje em dia qualquer pessoa tem o seu blog, ou pode ter em poucos segundos.

No entanto para blogar, não basta apenas ter um blog, é necessário ter vontade e escolher as ferramentas mais apropriadas para o acto do blogging. É quase como um soldado quando entra em batalha, tem que ter a arma correcta e as munições necessárias para estar totalmente preparado.

Na minha actividade como blogger, são várias as ferramentas que utilizo antes de colocar um post aqui no WebTuga ou em qualquer outro blog em que participe.

Google Reader / Gmail – Subscrição de conteúdo

Para estar sempre a par das notícias, subscrevo cerca de 790 rss feeds de sites em várias línguas, sendo a maioria em Espanhol, Inglês e Português. O Google Reader permite-me uma rápida leitura e selecção do conteúdo que me interessa.

Para além de subscrever rss feeds, participo em várias Mailing Lists e nada melhor que o Gmail para ler e gerir as entradas das mailing lists.

Bloco de notas – Editor de texto

Antes de começar a escrever o meu post no editor WYSIWYG do cms que uso ( Joomla ou WordPress ), começo sempre por escrever um rascunho no editor de texto mais simples que tenha à mão.
Ao escrever um rascunho, preocupo-me sempre por estruturar bem as frases de forma a ficar simples e de percepção fácil.

Revisor/Orangoo – Correctores ortográficos

Após criado o artigo, tento sempre dar uma vista de olhos pelos erros e correcções gramáticas, mas existe sempre um erro que deixo para trás, portanto nada melhor que um corrector ortográfico automático para ter uma menor probabilidade de deixar passar erros ortográficos.

Como corrector ortográfico costumo usar o Orangoo, ou então o Revisor, que basicamente são a mesma coisa, mas quando um está em falta, tenho sempre o outro para substituir.

Photoshop – Edição de imagem

Se há coisa que gosto de ver nos meus artigos, é um texto simples e uma imagem cuidada a acompanhar o texto. Penso que isso faz com que o leitor não perca o interesse pelo post.

É então aí que entra o editor de imagem, normalmente photoshop, para tratar uma imagem que vai acompanhar o texto.

Tenho o cuidado de criar uma imagem com fundo transparente, pois seja qual for o fundo, a probabilidade de ficar mais atractivo é maior.

Google Docs – Blogging cooperativo

Muitas das vezes antes de colocar o post no blog, gosto que algumas pessoas o leiam.

Há sempre algo que pode ser melhorado e portanto uso o Google Docs para poder distribuir aos meus colegas bloggers de forma a fazerem uma pequena revisão a este antes da sua publicação final.

O Google Docs é uma ferramenta on-line muito útil na cooperação em equipa. A possibilidade de partilhar e convidar outras pessoas para colaborarem consigo no documento é simplesmente fantástico.

eyeOS – Sistema Operativo Online

Normalmente, após a revisão de um outro blogger, o artigo é submetido no editor do CMS que uso e publicado no site.

Mas existe ainda outra aplicação que uso no meu dia a dia como blogger. Como devem saber, sou estudante e passo bastante tempo na escola. O tempo que me disponibilizam para aceder à Internet é aproveitado ao máximo para ler as RSS feeds, recolher noticias e começar a escrever textos ou pequenos trechos.
Como nem sempre tenho acesso ao mesmo computador ou nem sempre tenho tempo de publicar o post, comecei a usar uma ferramenta chamada eyeOS.

O eyeOS é um sistema operativo on-line que me permite o acesso a aplicações simples e armazenar pequenos ficheiros.

Muitas das vezes uso o RamISP, um serviço que corre a plataforma eyeOS, para guardar pequenos posts e links importantes que posso voltar a rever mais tarde sem a necessidade de guardar numa pen ou enviar para o e-mail. Basta-me apenas aceder ao meu sistema operativo on-line.

Esta é a minha rotina diária, parece um pouco complicado e trabalhoso, mas o resultado final vale sempre a pena. E quase que me esquecia, durante estes passos todos, nada melhor do que uma música para fazer as ideias vir ao de cima.

Fiquem bem e bons posts.

Download do Windows XP SP 3 ( inglês )

Windows XP SP3

Depois de alguns imprevistos o Windows XP SP3 foi finalmente disponibilizado para download no site oficial. Ainda está apenas disponível a versão em inglês, o que não significa que não vá haver uma versão portuguesa.

O motivo para o adiamento foi um erro de incompatibilidade do Microsoft Dynamics Retails Management. Esta versão tem melhorias de segurança e desempenho.

Download: Windows XP SP3

A dança dos Geeks por Richard Stallman

Quem não conhece Richard Stallman, umas das pessoas mais importantes no mundo do software livre, tendo sido fundador da Free Software Foundation (FSF), do projecto GNU e criou várias aplicações como GNU C Compiler e o Emacs. É também o criador das licenças GNU GPL.

Richard Stallman é uma pessoa com um espírito bastante aberto ( será que o espírito dele é open-source? ). Aqui neste vídeo podemos observa-lo a dançar com o seu portátil.

Google Docs – offline mode

Novas features do Google Docs

Pois é, agora é possível usar a folha de cálculo e criar apresentações offline no Google Docs.

E se pensam que as novidades ficavam por aqui, então estão bem enganados, pois isto é só o começo para aquecer.

Agora para além de poder alterar o HTML dos seus documentos, é possível ir ainda mais longe e alterar o CSS do ficheiro, o que lhe permite uma maior personalização do seu documento.

Imagine agora como seria se pudesse pegar num dos milhões de vídeos do YouTube e inserir-lo directamente na sua apresentação sem a necessidade de fazer download do vídeo ou converter para outro formato, pois bem, agora é possível com o Google Docs.

E se por algum motivo necessitar de ser lembrado para uma intervenção durante a sua conferência? Deixe apenas o Google Docs tratar disso…

Ora bem, são apenas 4 as novidades, mas a sua importância merece o maior aplauso à equipa por detrás do projecto. Mais uma vez vamos relembrar as 4 novidades:

1. Modo off-line para apresentações e folha de cálculo;
2. Possibilidade de editar o CSS ( antes apenas era possível alterar o HTML );
3. Adicionar vídeos do YouTube nas apresentações;
4. Adicionar notas de conferência nas apresentações.

Cada vez mais recorro a aplicações web para as actividades do meu dia a dia como blogger e cybernauta e felizmente o Google Docs tem sido uma grande ajuda no que toca a "blogar".

Do que está à espera? Clique aqui e teste já as novas funcionalidades do Google Docs.

Amazon vende mais Macbooks que PCs portáteis

Amazon vende mais macbooks que pcs portateis

A loja online Amazon tem uma ferramenta bastante útil chamada Amazon Meters que permite verificar rapidamente quais os produtos que mais têm sido vendidos.

Com esta ferramenta foi possível obter uma estatística de quantos macbooks são vendidos em relação a portáteis da Toshiba, Sony e HP.

Os valores estão à vista, 53% das vendas são portáteis Apple, contra os portáteis das restantes 3 marcas.