Google Labs: Pré visualização do YouTube, Flickr, Picasa, Yelp e Undo Send

Gmail Labs

Nos últimos dias o Google tem adicionado algumas novas features ao Gmail. O Gmail é para além de uma caixa de correio, uma ferramenta de trabalho e colaboração online, possibilitando integrar os restantes serviços do google na sua Inbox.

Desta vez o Google adicionou novas funcionalidades no Labs que permitem pré-visualizar conteúdo dos seus e-mails sem ter que seguir os links, como por exemplo vídeos do YouTube, fotos do Picasa e Flickr e ainda análises do Yelp.

Para além disso lançaram uma nova funcionalidade chamada “Undo Send” que permite cancelar o envio de uma mensagem até 5 segundos depois de a enviar, bastante útil quando se arrepende ou esquece de conteúdo na mensagem depois de clicar no botão “Send”.

São pequenos pormenores que fazem do Gmail aquilo que ele é hoje. Obrigado Google.

Google Docs – offline mode

Novas features do Google Docs

Pois é, agora é possível usar a folha de cálculo e criar apresentações offline no Google Docs.

E se pensam que as novidades ficavam por aqui, então estão bem enganados, pois isto é só o começo para aquecer.

Agora para além de poder alterar o HTML dos seus documentos, é possível ir ainda mais longe e alterar o CSS do ficheiro, o que lhe permite uma maior personalização do seu documento.

Imagine agora como seria se pudesse pegar num dos milhões de vídeos do YouTube e inserir-lo directamente na sua apresentação sem a necessidade de fazer download do vídeo ou converter para outro formato, pois bem, agora é possível com o Google Docs.

E se por algum motivo necessitar de ser lembrado para uma intervenção durante a sua conferência? Deixe apenas o Google Docs tratar disso…

Ora bem, são apenas 4 as novidades, mas a sua importância merece o maior aplauso à equipa por detrás do projecto. Mais uma vez vamos relembrar as 4 novidades:

1. Modo off-line para apresentações e folha de cálculo;
2. Possibilidade de editar o CSS ( antes apenas era possível alterar o HTML );
3. Adicionar vídeos do YouTube nas apresentações;
4. Adicionar notas de conferência nas apresentações.

Cada vez mais recorro a aplicações web para as actividades do meu dia a dia como blogger e cybernauta e felizmente o Google Docs tem sido uma grande ajuda no que toca a "blogar".

Do que está à espera? Clique aqui e teste já as novas funcionalidades do Google Docs.

Microsoft Albany entra em beta

O Albany, o rival do Google Docs que a Microsoft está a desenvolver, entrou em beta privada. O anúncio foi feito pela empresa no seu site oficial.

O Albany é um serviço de subscrição que oferece aos utilizadores o Microsoft Office Home ou Student, o OneCare, o Microsoft Office Live Workspace e serviços Windows Live num único instalador.

Este seria um normal pacote de aplicações, não fosse a presença do Microsoft Office Live Workspace, que permite aos utilizadores guardar os seus documentos nos servidores da Microsoft.

Ao contrário do que a Microsoft diz em comunicado oficial, esta oferta aparece devido à entrada do Google Docs no sector empresarial e crescente popularidade no doméstico, e não devido ao desejo dos utilizadores.

O lançamento da versão final do Albany deverá ocorrer até ao final deste ano.

via Slashdot e eFluxMedia

Levantando um pouco o véu ao Internet Explorer 8

Acho que, pela primeira vez, o Internet Explorer promete. Mas só a versão 8, que ainda se encontra em desenvolvimento.

O que me faz dizer isto é este browser suportar, por defeito, os padrões web. Eu não me recordo de utilizar uma versão do Internet Explorer que conseguisse esse feito. Bem, mas eu só utilizei o IE a partir da versão 5.

Outras novidades são a adição de uma barra de marcadores, suporte para subscrições de feeds na barra de marcadores, recuperação automática de um crash e um filtro anti-phishing melhorado. Estas são funcionalidades já vistas à muito tempo no Firefox.

Outra, esta não vista no Firefox, permite ao utilizador seleccionar uma palavra ou frase e fazer uma pesquisa sobre ela em diferentes serviços: por exemplo, procurar uma morada num serviço de mapas.

Os utilizadores interessados, podem descarregar a versão beta do Internet Explorer 8 e testar este browser. Mas não se esqueçam que esta não é uma versão estável, por isso ponderem bem a sua instalação.

Download, via Bink.nu

Piwik – opensource web analytics


O Piwik é um script web opensource que lhe permite recolher informações estatísticas do seu site (web analytics), anteriormente conhecido como phpMyVisites.

Com esta ferramenta conseguirá saber quantas visitas únicas teve, que sistema operativo usaram, qual foi a hora em que o site teve mais visitas, qual o País de origem das suas visitas, de onde vieram essas visitas e muito mais.

Para quem está farto de usar o Google Analytics, ou usa ferramentas como o BBclone, mas já está saturado de ver sempre o mesmo aspecto, então esta é a ferramenta ideal para si.

Algumas das features mais importantes são as APIs que poderá usar para obter informação, a possibilidade de adicionar os seus próprios plug-ins personalizados para funções específicas e ainda é possível ordenar as estatísticas ao seu gosto.

Entre outras coisas, é ainda possível adicionar ao seu site, gráficos com estatísticas sobre o mesmo:


Pode ver aqui a demo online, ou se preferir pode fazer download da ultima versão ( necessário servidor com php cenourinhaPosted on Categories OpenSourceTags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , Leave a comment on Piwik – opensource web analytics

End Software Patents: um esforço para acabar com as patentes de software nos EUA

Nos Estados Unidos, vários grupos e pessoas uniram-se para acabar com as patentes de software neste país. O esforço conjunto chama-se End Software Patents e dele fazem parte alguns membros como a Free Software Foundation, Software Freedom Law Center e Public Patent Foundation.

De acordo o End Software Patents, as patentes de software não promovem a inovação e tornam difícil a criação de software.

"Software innovation happens without government intervention. Virtually all of the technologies you use now, was developed before software was widely viewed as patentable. The Web, email, your word processor and spreadsheet program, instant messaging, or even more technical features like the psychoachoustic encoding and Huffman compression underlying the MP3 standard—all of it was originally developed by enthusiastic programmers, many of whom have formed successful business around such software, none of whom asked the government for a monopoly. So if software authors have a proven track-record of innovation without patents, why force them to use patents? What is the gain from billions of dollars in patent litigation?"

Este grupo estima que, anualmente, mais de 11.4 mil milhões de dólares são gastos em processos relacionados com alegadas violações de patentes e afirma que há uma tendência cada vez maior dos "patent trolls" em processar empresas que não estão directamente relacionadas com o desenvolvimento de software.

via Arstechnica.com

Google adiciona funcionalidades à sua ferramenta de criação de apresentações

O Google anunciou mais uma mão cheia de novidades para a sua ferramenta de criação de apresentações, incluida no pacote de ferramentas de produtividade online da empresa.

As novidades são a exportação das apresentações em PDF, impressão em PDF também para as apresentações e suporte para figuras vectoriais, novamente para as apresentações.

Bloglines presenteia os seus utilizadores com três novas funcionalidades

Talvez embebidos pelo espírito natalício, os responsáveis do leitor de feeds, Bloglines, presentearam os seus utilizadores com três novas funcionalidades. A primeira é a possibilidade de salvar ítens (com imagens e tudo) numa pasta chamada "Saved". A segunda é o suporte para imagens do Flickr na widget "Photo Widget". A terceira é um novo modo de visualização de três paineis que permite ver uma subscrição como se estivéssemos a ver o site correspondente.

{Fonte: TechCrunch}