Google Realtime – Pesquisa em tempo real

Google Realtime

Recentemente o Google lançou uma nova plataforma de pesquisa em tempo real que lhe permite verificar os últimos resultados por uma determinada keyword.

Esta ferramenta chama-se Google Realtime e os resultados são provenientes maioritariamente das redes sociais como é o caso do Twitter e podem ser filtrados por data através de uma linha de tempo disponível no topo dos resultados.

Aceda ao Google Realtime e veja abaixo como utilizar esta nova ferramenta de busca aprovisionada pelo Google.

Google Music – Finalmente o Google dá-nos música

Após muito se falar acerca do Google Music, rumores e afins, a Google mostra-nos que está mesmo a entrar para o campo da música, mas neste caso no que sabe fazer melhor… pesquisas.

A partir de agora, até à data ainda só consegui em proxies dos EUA, é possível obter um “listening” da música enquanto se pesquisa um vez que as músicas começam a ser apresentadas no topo da pesquisa tal como já acontecia com os vídeos.

A Google expressa no seu blog oficial que esta inclusão nas pesquisas deve-se ao facto de 20% das pesquisas mais feitas no Google são sobre música, artistas musicais e os seus álbuns.

Estas músicas são fornecidas através de parcerias que a Google fez com a Lala, MySpace, Pandora, imeem and Rhapsody.

Como já referi só consegui obter resultados com músicas em proxies dos EUA mas esperemos ter entretanto por cá também 😉

Google e o novo design da página

É algo inédito, pois não é todos os dias que uma das páginas mais visitadas em todo o mundo tem direito a uma actualização, mas a verdade é que o Google decidiu fazer umas ligeiras alterações à sua página de pesquisa.

A nova página tem uma Caixa de texto e botões de maiores dimensões que dá maior destaque ao que faz o Google: a pesquisa.

via Aberto Até de Madrugada

Bing by Microsoft

Bing

A Microsoft começou por chama-lo de Kumo, mas o nome final do dito cujo é Bing.

Trata-se do novo motor de busca da Microsoft para competir com o Google. Os resultados são bastante mais apurados que o actual Live Search, no entanto penso que ainda não está ao nível do Google.

Apesar disso, o Bing apresenta muitas mais ferramentas que o anterior serviço, como por exemplo Sitelinks, uma ferramenta chamada xRank que mostra as pesquisas mais populares, com gráficos da evolução do volume da pesquisa, onde curiosamente a pesquisa mais popular de hoje é Susan Boyle.

Achei bastante interessante a possibilidade de pesquisar vídeos e reproduzir-los unicamente passando com o cursor por cima, bastante interessante para ter uma certa ideia do que está por de traz do vídeo. Ao que parece, permite ver o preview de vídeos do Hulu, mesmo de países que não estejam autorizados (proxy maybe).

Para além disso, as pesquisas mostram informações adicionais que a pessoa provavelmente está à procura. Por exemplo, pesquisando por Portugal, na barra lateral esquerda aparecem outros links rápidos com acesso à história, ao mapa, ao tempo, a hotéis e ainda a restaurantes e imagens. Mas isto não acontece só com países, mas também com filmes, marcas, etc…

Gostei do que vi e acho que o Google está a precisar de alguém que lhe faça frente, apesar de não achar que seja a Microsoft a melhor empresa para o fazer (Go Yahoo! go!).

Ironicamente, o domínio bingsucks.com pertence também à Microsoft… 😛

KiwiTorrent – Pesquisa de torrents

KiwiTorrent

Existem redes sociais de partilha de torrents, trackers e indexadores de ficheiros torrent e motores de busca de bittorrent.

O KiwiTorrent não é nada mais do que outro motor de busca em redes bittorrent, que faz uma pesquisa em vários torrent trackers conhecidos internacionalmente e facilitam assim o download dos ficheiros via torrent.

Se recorre a redes bittorrent para fazer downloads, então guarde já o KiwiTorrent nos favoritos do seu browser ( e aproveite e coloque também lá o WebTuga… :P).

MediaMingle – Pesquisar imagens

Mais uma vez o stumble ajudou-me a encontrar um excelente site.

Trata-se do MediaMingle, um website onde se pode pesquisar imagens de vários tamanhos e ver pormenores acerca delas.

Provavelmente utiliza o motor do Google, no entanto permite pesquisar e avaliar as imagens de uma forma um pouco mais engraçada.

Obrigado StumbleUpon!

Cuil – Um motor de busca muito cool

CuilLogo

Cuil, pronunciado como Cool, é um novo motor de busca com um aspecto bastante diferente do habitual, mostrando os resultados em 2 ou 3 colunas e sempre que possível, anexando uma imagem ao resultado.

Baseando-se na sua pesquisa, o Cuil procura separar os resultados por categorias de forma melhorar a eficácia da sua pesquisa.

Até agora o Cuil indexou cerca de 120 biliões de páginas, no entanto já foi banido por mais de 10000 delas.

Para além disso, é possível personalizar o motor de busca, activando ou não funcionalidades como o Safe Search e as sugestões.

Apesar de ter um aspecto agradável, não me parece que tenha potencial para fazer frente ao Google e a outros motores de busca. Mas a ideia está bastante boa, dar os resultados ao utilizador pelo conteúdo e não pela popularidade do site.

Talvez daqui a uns tempos venhamos a falar mais acerca do Cuil, até lá Cuilem muito.

Apple anunciou iPhone 3G na WWDC08

Ontem foi dia de evento Apple. Realizou-se em São Francisco nos Estados Unidos da América a World Wide Developer Conference 2008, um evento que tem como objectivo chegar mais perto dos programadores e saber o que estes necessitam e como de costume, foram anunciadas algumas novidades.

Como sempre, Steve Jobs começou por fazer um apanhado do sucesso dos produtos da Apple, informando-nos que o iPhone vendeu no seu primeiro ano, cerca de 6 milhões de iPhones.

AppStore

AppStore

Algumas empresas e alguns programadores demonstraram as suas aplicações desenvolvidas para o iPhone e expressaram a sua opinião acerca da sua experiência a programar na plataforma. Entre as demonstrações encontravam-se projectos da Sega, eBay, TypePad e da MLB.com.

As aplicações vão estar disponíveis na AppStore quando esta estiver disponível, sendo o próprio programador a definir o valor que deseja cobrar pela aplicação. Este ficará com 70% do preço final, enquanto que a Apple ficará com o restante para cobrir os custos de alojamento e divulgação. Caso o programador opte por disponibilizar a aplicação gratuitamente, não terá custos adicionais.

A AppStore vai estar disponível em 62 países e será possível fazer o download das aplicações por Wifi, pelo iTunes ou pela rede da sua operadora móvel, no entanto esta ultima opção não estará disponível para ficheiros com tamanho superior a 10MB.

Mobileme

Mobileme Box

Foi apresentado um novo serviço chamado Mobileme que permite ter acesso aos seus dados, como por exemplo calendários, e-mails, documentos ou ficheiros e sincronizar com o seu computador ( PC ou Mac ) e com o seu iPhone.

Este serviço está presente no domínio me.com, tem o valor de $99 dólares no pacote individual ou $149 no pacote familiar e vem substituir o anterior serviço .Mac.

Apresenta um interface web dinâmico nunca antes visto com novidades como drag and drop de múltiplos ficheiros, e-mails ou contactos e ainda pesquisa com resultados em tempo real, tal como se fosse no seu computador.

iPhone 2.0 Software Update

iPhone 2.0 Software Update


Foram dados a conhecer novidades que podemos esperar na iPhone 2.0 Software Update e uma delas bem resolver um problemas com que os desenvolvedores de aplicações 3rd party se depararam, que é o facto de ser impossível correr aplicações em background. Como opção e para reduzir o consumo de energia no gadget, a Apple criou uma solução que permite receber alertas de eventos server-side.

Para além disso, o novo iPhone 2.0 Software permite a pesquisa de contactos, suporte a documentos do iWork e do Microsoft Office, salvar imagens que receba por e-mail no seu iPhone, controlos parentais, máquina de calcular cientifica no modo landscape e ainda suporte a mais linguagens das quais 4 tipos de japonês e chinês tradicional e simplificado com a possibilidade de escrever com o dedo.

O novo software estará disponível gratuitamente para qualquer detentor de um iPhone em Julho e terá um custo de apenas $9.95 para aqueles que tenham um iPod Touch.

iPhone 3G

iPhone 3G

O novo iPhone foi apresentado, chama-se iPhone 3G e tal como o nome indica, integra a tecnologia de transferência de dados 3G, revelando uma velocidade 2,8 vezes mais rápida que a tecnologia EDGE, um novo conector para headphones como os do iPod e ainda inclui o GPS. Para além disso o novo iPhone faz uma melhor gestão da bateria.

A Apple pretende colocar o iPhone disponível em 70 países até ao fim do ano, sendo que no dia 11 de Julho, 22 desses 70 países, incluindo Portugal, vão ter o iPhone disponível pelo preço fantástico preço de 199$ na versão 8GB e 299$ na versão de 16GB. O iPhone 3G 16GB estará disponível em preto e branco.

Falta-nos saber o que Bertrand Serlet falou, horas depois, acerca do novo Mac OS X Snow Leopard.

Entretanto já é possível reservar o seu iPhone na Optimus.

Equipa xTok apresenta amanhã nova versão do Blogtok

Blogtok

Actualmente existem centenas de Content Management Systems, no entanto o Blogtok destaca-se devido a ser um sistema de blogging criado exclusivamente em Portugal e um dos pioneiros na tecnologia RSS.

O Blogtok permite-lhe criar o seu blog, a sua galeria de fotos, inserir fontes de RSS na sua página e pesquisar numa base de dados de mais de 500 fontes de informação e integrar uma grande comunidade, onde poderá encontrar pessoas com todos os gostos.

A equipa xTok, estará amanhã, dia 8 de Julho de 2008, a lançar a nova versão do Portal Blogtok do qual se poderão esperar grandes novidades como um novo design, uma nova interface para a administração da sua conta, um novo gestor para a sua música ou para os seus podcasts, uma bolsa de valores que será uma espécie de karma que lhe permitirá evoluir na comunidade consoante o seu número de posts, comentários, visitas únicas entre outros.

Para além disso, o novo sistema permite a que um utilizador possa ter vários blogs, com uma única conta e ainda vários nicks.

Amanhã poderemos analisar melhor o sistema e dar-lhe melhor a conhecer as potencialidades da nova versão deste projecto que muito tem para ensinar aos restantes sistemas do género.

CMS sem base de dados

CMS Sem base de dados

Hoje em dia, qualquer plano de alojamento de qualquer empresa de hosting tem suporte a pelo menos uma base de dados.

No entanto, para aqueles servidores que não têm suporte ou aqueles que atingiram o limite máximo da base de dados no seu plano de alojamento, existe uma solução para esse problema: usar um CMS que não use uma base de dados, mas sim um ficheiro de texto para guardar a informação.

Desta forma, os ficheiros de texto vão realizar a mesma tarefa que uma base de dados, não havendo a necessidade de haver outro módulo a correr no servidor para a base de dados, tal como no caso do MySql.

Em baixo, deixo algumas soluções de sistemas de gestão de conteúdo que não necessitam de base de dados para correrem.

Flatpress

Já aqui tínhamos falado acerca do Flatpress. Um cms opensource para a plataforma de blogging, bastante semelhante ao WordPress, mas que não necessita de base de dados MySql.

Usa o sistema de templates Smarty e tem o suporte para Widgets e Plugins, tal como no WordPress.

Caso queira e após a instalação e o uso intensivo do FlatPress, deseje instalar o WordPress, poderá importar a base de dados usando este script.

Pivot

O Pivot é uma ferramenta gratuita, distribuída sob a GNU Public General License, que lhe permite criar páginas dinâmicas, como pequenos blogs ou jornais online em PHP, sem a necessidade de funções ou base de dados adicionais.

A razão pela qual o Pivot usa ficheiros de texto e não uma base de dados para guardar a informação, é fazer com que o sistema possa correr numa quantidade maior de servidores possível.

Cute News

Cute News é um poderoso sistema de gestão de notícias que permite facilmente adicionar notícias, comentários, efectuar pesquisas e envio de ficheiros, tudo sem a necessidade de usar MySql.

Para além de um excelente editor WYSIWYG, apresenta ainda um sistema de templates bastante fácil de usar.

simplePHPblog

simplePHPblog é a mais simples ferramenta de criação de blogs que pode existir.

Com este cms poderá em poucos segundos ter o seu blog com as funções básicas e sem a necessidade de uma base de dados.

CMSimple

Um cms dividido em duas versões, uma comercial e outra sob as licenças GPL e AGPL 3. Visite o site do CMSimple OpenSource.

E pronto, penso que podemos ficar por aqui. Caso seja programador e tenha criado algum CMS, leia acerca do txtsql e faça uma versão do seu gestor que não necessite de base de dados.