Trabalhadores processam empregadores por usarem Windows Vista

Nos Estados Unidos da América, vários trabalhadores que recebem à hora estão a processar os seus empregadores devido ao tempo que o Windows Millenium 2.0, vulgo Windows Vista, demora a fazer boot e a desligar.

De acordo com um dos representantes destes trabalhadores, o advogado Mark Thiernman, os trabalhadores perdem até duas horas de ordenado todas as semanas devido ao tempo que o Windows Vista demora até se fazer login. A entrada ao trabalho destes trabalhadores só é contabilizada quando fazem login, e como o ME 2.0 é, de acordo com estes trabalhadores, lento como o raio, eles tão no local de trabalho mas não estão oficialmente a trabalhar.

O mesmo se passa quando estão a desligar o computador. O tempo que têm que esperar até o computador estar desligado não é contabilizado, logo é dinheiro que não recebem.

Aposto que estes trabalhadores estão à espera que o 7 do Windows seja um número da sorte para eles e não para os seus empregadores. Mas se a tradição se mantiver, vai ser um número de azar para eles.

{via The Register}