AnyColor 0.1.2 para Firefox 3

AnyColor

AnyColor é uma extensão para Firefox que permite alterar a tonalidade de cores do theme on the fly.

Não, não é um simples theme para Firefox, pois com esta extensão poderá alterar a aparência e personalizar-lo ao seu gosto, sem a necessidade de reiniciar o Firefox.

AnyColor permite-lhe:

  • Escolher as suas próprias cores e pré-visualizar-las imediatamente;
  • Seleccionar a sua imagem para o background para o topo e para o fundo do Firefox;
  • Escolher um dos pacotes de cores já criados ou criar o seu próprio;
  • Criar “appearance scripts” e mudar a aparência do browser recorrendo a conteúdo gerado dinamicamente.

Esta extensão só funciona em Firefox 3, logo não nos responsabilizamos por qualquer perca de informação devido à instalação deste addon no seu computador.

Download: Mozilla Addons

Alojamento Web

Microsoft Albany entra em beta

O Albany, o rival do Google Docs que a Microsoft está a desenvolver, entrou em beta privada. O anúncio foi feito pela empresa no seu site oficial.

O Albany é um serviço de subscrição que oferece aos utilizadores o Microsoft Office Home ou Student, o OneCare, o Microsoft Office Live Workspace e serviços Windows Live num único instalador.

Este seria um normal pacote de aplicações, não fosse a presença do Microsoft Office Live Workspace, que permite aos utilizadores guardar os seus documentos nos servidores da Microsoft.

Ao contrário do que a Microsoft diz em comunicado oficial, esta oferta aparece devido à entrada do Google Docs no sector empresarial e crescente popularidade no doméstico, e não devido ao desejo dos utilizadores.

O lançamento da versão final do Albany deverá ocorrer até ao final deste ano.

via Slashdot e eFluxMedia

Alojamento Web

BBox – pequeno e ao nível dos grandes

Um gestor/leitor de músicas faz parte de qualquer desktop. Em Windows, os utilizadores têm à sua disposição o Windows Media Player, mas esse, pelo menos para mim, nunca foi grande coisa a gerir músicas e é demasiado pesado.
Talvez querer uma aplicação que ajude a gerir a colecção de músicas, que toque as músicas, que converta CDs, suporte streams, tenha equalizador e seja leve seja pedir muito. Ou talvez não.
O BBox Audio Player é uma aplicação com as características que descrevi no parágrafo anterior e ainda mais: suporta tags, visualizações, análise espectral, e mais umas quantas funcionalidades. Mas está longe de ser perfeito: não suporta a criação de playlist baseadas em critérios, só converte CDs para MP3 e não monitoriza pastas. Por outro lado, só "ocupa" uns 3 MB de memória.
Se as funcionalidades que o BBox tem são o que querem, dêem-lhe uma oportunidade.

via freewaregenius.com

Alojamento Web

FileQube – mais um serviço de armazenamento de ficheiros

Nos serviços de alojamento de ficheiros, opções gratuitas é coisa que não falta: Box.net, Mediamax.com, Divshare.com, ElephantDrive.com, etc, etc, etc… Eu ainda podia inserir aqui mais uns quantos que tenho nos meus favoritos, uns melhores que outros, mas não vale a pena estar a bombardear-vos com serviços deste género.
Mas vou falar-vos de mais um que apareceu, chamado FileQube. Este serviço é muito semelhante ao Box.net, como poderão ver pela lista de funcionalidades; contudo, tem algumas características bem mais interessantes:
– 2 GB de espaço para as contas gratuitas
– partilha de ficheiros através de widgets,
– organização de ficheiros por tags
– upload de múltiplos ficheiros
– limite máximo do tamanho dos ficheiros a 150MB para os utilizadores que não têm conta registada e 500MB para quem tem conta no FileQube
– partilha de pastas
– acesso aos ficheiros através de RSS
– downloads directos
– interface agradável
– apenas 512 MB de tráfego
O serviço parece ser interessante: 2GB de espaço e organização de ficheiros por tags são funcionalidades bastante apelativas. Mas se utilizarem o FileQube para partilhar ficheiros com os vossos colegas, familiares e amigos, o limite do tráfego a 512 MB estraga tudo.

FileQube, via 2.0 Webmania

Alojamento Web

Adobe lançou leitor multimédia

adobe media playerA Adobe lançou um leitor multimédia que permite fazer stream de conteúdos de vídeo. Chamado Adobe Media Player, está actualmente na versão 1.0 e disponível para Mac OS X e Windows.

O Adobe Media Player utiliza a tecnologia do Flash para providenciar os conteúdos aos utilizadores. A visualização dos vídeos pode ser feita através de stream ou download.

Os vídeos estão disponíveis gratuitamente. Os custos são suportados através de publicidade inserida no leitor ou nos vídeos, que poderão conter DRM (Digital Rights Restrictions Managment).

O Adobe Media Player é muito semelhante ao Miro, com a diferença de que os conteúdos não são produzidos pelos utilizadores, que têm que gramar com publicidade, e há a possibilidade dos conteúdos conterem DRM.

Adobe Media Player, via PCWorld.com

Alojamento Web

MIT desenvolve robô capaz de expressar emoções

nexiO MIT (Massachusetts Institute of Technology), juntamente com a Xitome Design, desenvolveram o Nexi: um robô que consegue movimentar a cabeça em quatro direcções, reproduzir expressões faciais e deslocar-se à mesma velocidade dos humanos.

Para se movimentar à mesma velocidade que um humano, é usada uma base semelhante ao Segway em vez de pernas, o que lhe permite uma movimentação rápida e também um equilíbrio automático.

A face do Nexi, desenvolvida em parceria com a Xitome Design, consegue expressar 15 diferentes expressões faciais e movimentar as sobrancelhas, boca, olhos, etc, para realçar essas mesmas expressões. Quatro microfones permitem localizar a origem do som, um outro é usado para a captura de voz e um altifalante é utilizado para sintetizar a fala. Cada olho tem uma câmara que captura imagens a côr e um sensor de infravermelhos para detectar e evitar obstáculos, mesmo num local sem luminosidade.

As expressões faciais, movimento, visão, sintetização de voz, comunicação sem fios e outras funções são controladas através de um computador embebido que utiliza GNU/Linux, sendo possível controlar o Nexi remotamente.

Este robô, à primeira vista, pode parecer assustador. Mas, para mim, é fascinante, porque tem a capacidade de reproduzir expressões faciais e manter uma conversa, mesmo que ainda seja um pouco artificial.

Vídeo do Nexi, via Exame Informática e Daily Tech

Alojamento Web

Microsoft alarga tempo de vida do Windows XP nos computadores económicos

A Microsoft anunciou que vai estender o suporte para o Windows XP até 30 de Junho de 2010 ou até um ano após o lançamento de uma nova versão do Windows. O problema para os utilizadores do XP é que isto é só para as licenças vendidas para computadores económicos, como o Asus EEE PC.

Quem tiver uma licença do Windows XP para um computador "normal", vai ficar sem suporte em Junho deste ano. Ou, pelo menos, até a Microsoft decidir alargar novamente o prazo de vida do XP.

Quando chegar o fim do suporte do Windows XP, que irão fazer? Eu aconselho-vos vivamente a adoptar um sistema livre – aliás, aconselho-vos a adoptar um sistema livre já! Têm muito por onde escolher – GNU/Linux, FreeBSD, etc – e podem experimentar vários sem que isso não vos pese na carteira.

via efluxmedia.com

Alojamento Web

Microsoft apresenta a nova versão do Windows Mobile

A Microsoft apresentou a versão 6.1 do Windows Mobile, o seu sistema operativo para dispositivos móveis, no certame CTIA Wireless 2008.

Esta nova versão do Windows Mobile, de acordo com a Microsoft, proporciona mais segurança e melhor navegação. Entre as novidades destaca-se a nova versão do Internet Explorer Mobile, que agora suporta o codec de vídeo H.264, Flash, Silverlight, permite visualizar as páginas em ecrã inteiro e ainda fazer zoom.

Para quem acede ao email num dispositivo móvel com Windows Mobile, está disponível o Fetch – uma aplicação que baixa os emails completos através de FTP e IMAP.

via efluxmedia.com

Alojamento Web

Microsoft consegue aprovação da ISO para o formato MSOOXML

A Microsoft, ao fim de vários meses, conseguiu a aprovação da ISO para o seu formato MSOOXML. Mas este processo fica marcado por várias alegadas irregularidades e já valeu a investigação da União Europeia a alguns dos comités.

Mas isto não fica por aqui. De acordo com algumas pessoas que fizeram parte de alguns dos comités, o formato tem demasiados erros, como o mau cálculo de datas e simples operações matemáticas. E o formato, de acordo com o Software Freedom Law Center, não é compatível com a GPL e nem dá garantias de protecção de processos judiciais a quem o implemente ou utilize.

Ainda assim, a Microsoft conseguiu aprovar o seu formato – algo que, na minha opinião, é estranho (no mínimo). Mas a aprovação ainda não tem efeitos imediatos, porque haverá um período de dois meses para serem apresentados recursos da decisão da ISO.

Se quiserem saber mais sobre o caricato processo de aprovação do MSOOXML como norma ISO, visitem os sites Software Livre no Sapo, Groklaw.net, o blog pessoal do delegado brasileiro Jomar Silva e ainda o NoOOXML.org.

Alojamento Web

Blinkx – um serviço p2p de streaming de vídeo com reconhecimento de voz

Foi lançado mais um serviço de streaming de vídeo que utiliza uma tecnologia p2p para disponibilizar os seus conteúdos: o Blinkx.

Tal como o Miro ou o Joost, os utilizadores têm que descarregar uma aplicação para poderem aceder ao serviço. Mas esta tem uma funcionalidade que a destaca das outros: reconhecimento de voz. Esta funcionalidade não está disponível em todos os vídeos mas, nos que a têm activa, os utilizadores podem clicar numa linha do texto que aparece para saltarem imediatamente para esse ponto no vídeo.

Outra funcionalidade que poderá ser interessante é a possibilidade de pesquisar informações sobre actores no IMDB, Google ou qualquer outro motor de busca.

Se estão à espera de encontrar no Blinkx aquelas séries televisivas que costumam descarregar, esqueçam; só estão disponíveis conteúdos independentes e videocasts. E isso não quer dizer que não existam bons conteúdos disponíveis, só por serem independentes – vejam a música indie, por exemplo.

Blinkx, via portfolio.com