MacOSx Snow Leopard – O que esperar…

A Apple teve ontem uma excelente apresentação de todas as novidades que têm vindo a desenvolver nos últimos meses.

Foi renovada a gama de Macbooks, lançado o novo iPhone 3Gs e apresentadas várias novidades para o Snow Leopard.

O Snow Leopard será lançado em Setembro e terá um custo de 129$ ou 29$ para utilizadores que já tenham o Leopard. O Pack Família terá um custo de 49$.

Entre as várias novidades, destacam-se algumas, como o Finder que foi totalmente reescrito e apesar de não apresentar alterações a nível do interface, tem bastantes melhorias no seu desempenho.

As stacks agora permite funcionalidades avançadas, como navegação entre pastas, facilitando o acesso a toda a informação.

O Expose tem também uma nova funcionalidade, permitindo expandir as janelas de uma determinada aplicação através da Dock, possibilitando uma melhor gestão de janelas abertas.

Foi anunciado também o Quicktime X que permitirá a edição e partilha de vídeos com outras pessoas e tem para além disso bastantes melhorias a nível do interface.

O Snow Leopard apresenta nova opções de acessibilidade, melhorando assim a utilização do OSx para pessoas de certa forma fisicamente incapacitadas.

Uma das funcionalidades que não pode passar ao lado é a introdução do suporte para Exchange nas aplicações Mail.app, Address Book e iCal de forma totalmente gratuita.

Foram feitas melhorias a nível da arquitectura do sistema de forma a aproveitar melhor as potencialidades de processadores com vários core a 64-bits.

A nível de gráficos, o Snow Leopard apresenta um novo standard aberto utilizado já por várias empresas, o OpenCL.

A keynote da Apple na WWDC 09 foi marcado também pelo anúncio do novo iPhone 3Gs por apenas 199$ nos modelos de 16GB e 299$ nos modelos de 32GB. O iPhone 3G 8GB anterior baixou para 99$ (preços para contractos AT & T).

Alojamento Web

O Mac OS X faz 7 anos

O Mac OS X faz hoje 7 anos. Foi a 24 de Março de 2001, este começou a ser distribuído ás primeiras horas da manhã nas Apple Stores dos USA.

O Mac OS X foi baseado no NeXTSTEP (para quem não sabe o que é vão aqui) que por sua vez é baseado em Unix e já conta com 6 versões (Cheetah, Puma, Jaguar, Panther, Tiger e Leopard) trazendo cada uma delas várias inovações como: Dashboard, Spaces, Spotlight, Exposé, Stacks, entre outras.

Temos de dar os parabéns a todos os que ajudaram a desenvolver o Mac OS X, pois o produto final é fantástico e vai sempre a melhorar. Estamos à espera do 10.6 e esperemos que dê seguimento à evolução dos sistemas operativos anteriores.

Deixem nos comentários qual foi a 1ª versão do Mac OS X que utilizaram e em que mudança de versão notaram mais diferenças.

Via MacUser

Alojamento Web

Mac OS 10.5.2 Já Disponível

Ligai os vossos Software Update e actualizai o vosso Leopard, o 10.5.2 anda por aí, é grande e trás novidades para o utilizador.

O update pesa cerca de 180MB, embora em alguns utilizadores se tenham visto updates maiores que 300MB. O update trás uma série de actualizações às aplicações, bem como novas funções pedidas pelos utilizadores.

Entre as novidades que os utilizadores podem ver encontra-se o ícone do Time Machine na Menu Bar para controle do Time Machine, o modo lista no Stacks, bem como a mudança do fundo do modo Grid e a possibilidade de ver o conteúdo das pastas sem as abrir. Ainda na Menu Bar o utilizador pode agora definir a barra para opaca (sem transparência) e ajustar a transparência dos menus. O update também disponibiliza alguns aumentos de performance, bem como updates de segurança.

O update já está disponível no site da Apple e no Software Update e pode ler mais sobre ele ao carregar no link abaixo (em Inglês).

Site | About the Mac OS X 10.5.2 Update

Alojamento Web

How To: Adicionar gradiente entre os icons do Stacks

Hoje na rubrica “How To” vamos mostrar como adicionar o gradiente entre icons do Stacks:

Em primeiro lugar abram o Terminal. Em seguinte introduzam no Terminal o seguinte:

defaults write com.apple.dock mouse-over-hilte-stack -boolean YES

Este comando irá fazer acontecer a magia. Na linha seguinte no Terminal introduzam o seguinte:

killall Dock

Este comando encerra a Dock e reinicia. Agora as Stacks vão ser reconfiguradas e o código será carregado.

Agora cada vez que passarem o rato por cima dos icons das Stacks, irá aparecer um gradiante entre eles, como se pode ver na imagem presente neste post. O unico problema que se sente é  uma ligeira lentidão, especialmente quando se tem grandes Stacks.

Se quiserem reverter o gradiente de volta para o normal introduzam o seguinte código:

defaults write com.apple.dock mouse-over-hilte-stack -boolean NO

E em seguida:

killall Dock

[Fonte]