Universidade holandesa utiliza o bittorrent para manter 6500 computadores actualizados

pirataA universidade holandesa INHOLLAND mostrou que o bittorrent é apenas um protocolo de partilha de ficheiros como qualquer outro e não uma rede de pirataria – onde tipos com barbas pintadas e pernas de pau partilham ilegalmente conteúdos entre si -, ao utilizá-lo com sucesso para transferir actualizações de software entre 6500 computadores, situados em 16 locais diferentes deste país.

A utilização do bittorrent sucede ao anterior método de disponibilização de actualizações, que envolva mais de 20 servidores a enviar 25.6 terabytes de dados para os 6500 computadores. Este método, para além de acarretar grandes custos, podia demorar mais de quatro dias.

Agora, apenas dois servidores enviam as actualizações através de bittorrent. Quando um dos 6500 computadores recebe os ficheiros, também os fica a partilhar com os restantes, ajudando a distribuir com maior eficácia e rapidez os dados.

via Torrentfreak.com

Off-topic:
Estou para ver se os media de tecnologia portugueses, que adoram atirar chavões como «combater a pirataria», vão fazer destaque a esta notícia. É que estou para ver, mesmo!

imagem da autoria de Mat Honan

Author: Bruno Miguel

Blogger, apreciador de cerveja e defensor do software livre, corre um sistema GNU/Linux de acordo com Stallman e sem quaisquer bugs - apenas com funcionalidades não desejadas.

2 thoughts on “Universidade holandesa utiliza o bittorrent para manter 6500 computadores actualizados”

  1. A vantagem do bittorrent é a localização dos pares que têm a info pretendida e não a velocidade de download. Aliás qualquer protocolo que suporte swarming consegue fazer transferências bem rápidas.

    Será que se eles usassem gnutella isto seria notícia? 😛

  2. axas isto dar nas noticias para quê n xama atençao .nao da espetadoures .
    agora dizer como foi quando encerrarao o btuga isso sim .e granda aprençao 3 sites encerados e forao apriendidos nao sei quantos compotadores topo de gama isto e que da noticia e triste mas e a verdade .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.