O vício das séries…

Emo Killer

Não se assustem, esta imagem é só para fazer publicidade barata à minha nova assinatura no fórum.

O que me traz cá hoje a escrever é outro assunto que talvez interesse à maioria de vocês, que é o vício provocado pelas séries televisivas.

Se me perguntarem se eu gosto de ver séries, eu respondo negativamente. Eu não gosto de séries! Eu adoro! Amo! Eu vivo para as séries!

Bem, talvez não seja assim tão grande o meu vício, mas eu acompanho mais de 20 séries actualmente e devido à greve dos guionistas, algumas séries foram adiadas, sendo que a maior parte delas recomeçam em Setembro como é o caso de Prison Break, Dexter e Gossip Girl, entre muitas outras.

Felizmente consegui ocupar o tempo com outras séries e sofri um pouco menos do que esperava e pelo que vi dos novos episódios destas séries, a espera valeu a pena.

Para além deste tipo de séries, também costumo ver algumas séries de anime e recomendo desde já a todos a série Death Note.

E apesar da maioria das séries que sigo serem em inglês, tenho um especial carinho pela série “Conta-me como foi” que passa na RTP1.

Quero com este post ficar a saber mais acerca do vosso interesse em séries televisivas, se são ou não viciados em séries e gostaria de saber as séries que de momento estão a seguir.

[poll id=”3″]
Alojamento Web

Gaia Online – comunidade virtual para os fãs de anime e manga

A Gaia Online é uma comunidade, criada em 2003, para os fãs de anime e manga, e já conta com mais de 3.5 milhões de utilizadores registados. Mas esta comunidade é mais que o fórum, é um RPG e uma sala de chat.

Cada utilizador pode ter várias personagens e pode ganhar Gaia Gold (o dinheiro virtual do jogo), dinheiro este que pode ser trocado por roupas, armas e acessórios para a personagem.

E se doarem dinheiro (real) para a comunidade, podem receber um bónus surpresa no jogo; mas atenção, o dinheiro real não pode ser trocado por Gaia Gold.

Também existe uma cidade virtual, bem ao género do Habbo Hotel,onde os utilizadores podem conversar.

Esta é, sem sombra de dúvida, uma comunidade (ou quiçá, um mundo) virada para os jovens. Gaia Online