MacOSx Snow Leopard – O que esperar…

A Apple teve ontem uma excelente apresentação de todas as novidades que têm vindo a desenvolver nos últimos meses.

Foi renovada a gama de Macbooks, lançado o novo iPhone 3Gs e apresentadas várias novidades para o Snow Leopard.

O Snow Leopard será lançado em Setembro e terá um custo de 129$ ou 29$ para utilizadores que já tenham o Leopard. O Pack Família terá um custo de 49$.

Entre as várias novidades, destacam-se algumas, como o Finder que foi totalmente reescrito e apesar de não apresentar alterações a nível do interface, tem bastantes melhorias no seu desempenho.

As stacks agora permite funcionalidades avançadas, como navegação entre pastas, facilitando o acesso a toda a informação.

O Expose tem também uma nova funcionalidade, permitindo expandir as janelas de uma determinada aplicação através da Dock, possibilitando uma melhor gestão de janelas abertas.

Foi anunciado também o Quicktime X que permitirá a edição e partilha de vídeos com outras pessoas e tem para além disso bastantes melhorias a nível do interface.

O Snow Leopard apresenta nova opções de acessibilidade, melhorando assim a utilização do OSx para pessoas de certa forma fisicamente incapacitadas.

Uma das funcionalidades que não pode passar ao lado é a introdução do suporte para Exchange nas aplicações Mail.app, Address Book e iCal de forma totalmente gratuita.

Foram feitas melhorias a nível da arquitectura do sistema de forma a aproveitar melhor as potencialidades de processadores com vários core a 64-bits.

A nível de gráficos, o Snow Leopard apresenta um novo standard aberto utilizado já por várias empresas, o OpenCL.

A keynote da Apple na WWDC 09 foi marcado também pelo anúncio do novo iPhone 3Gs por apenas 199$ nos modelos de 16GB e 299$ nos modelos de 32GB. O iPhone 3G 8GB anterior baixou para 99$ (preços para contractos AT & T).

Alojamento Web

Switcher 2.0 – Exposé para Windows Vista

Switcher 2.0

Quem utiliza MacOSx provavelmente conhece e adora a ferramenta Exposé que permite verificar todas as janelas de aplicações abertas e aceder rapidamente utilizando atalhos do teclado ou os “cantos” do seu desktop.

Para mim seria muito difícil deixar de usar esta ferramenta no meu dia a dia, visto que é uma ferramenta que vem integrada no sistema operativo macOSx.

Muitas das vezes quando estou num computador com um sistema operativo diferente ao macOSx, lá me ponho a bater com o cursor nos cantos do ecra, até que dou conta que não existe essa feature no Windows.

Switcher 2.0

Mas com o Switcher 2.0, uma ferramenta gratuita, é possível adicionar o efeito ao Windows Vista, permitindo não só criar o mesmo efeito que o Exposé como também utilizar-lo de várias formas, colocando as janelas em grelha, espalhadas ou situadas no topo do ecrã.

É provavelmente a melhor forma para aumentar a produtividade, não sendo necessário procurar as janelas na barra de ferramentas como habitualmente.

Como já disse, o Switcher 2.0 é gratuito, simples, potente e está ao alcance de um clique.

Alojamento Web

Camino 2.0 Beta 1

Camino

A nova versão do browser Camino está ai e apresenta grandes novidades, entre as quais o novo sistema de renderização Gecko 1.9.

O Camino é conhecido como o browser minimalista para macOSx, no entanto apesar da sua simplicidade, é bastante completo.

Nesta nova versão temos um gestor de páginas ao estilo do exposé, alertas na Dock e ainda um sistema de bloqueio de animações flash.

Alojamento Web

Actualização: Mac OS X 10.5.4

A Apple disponibilizou hoje a nova actualização do Mac OS X, que chega agora à versão 10.5.4, esta melhora a segurança, estabilidade e compatibilidade do sistema, e são também feitas correcções no Safari, AirPort, iCal, Exposé, Spaces e X11.

Esta nova versão vem oferecer suporte para ao novo serviço MobileMe , suporte adicional de imagens RAW para várias câmaras, entre outros detalhes que podem ser vistos no site da Apple.

O Mac OS X 10.5.4 é uma actualização que ocupa pouco espaço (menos de 100 MB) e é uma das mais rápidas de sempre, pois o Mac OS X 10.5.3 foi lançado apenas à um mês.

A actualização é recomendada a todos os utilizadores do Leopard e pode ser feita através da Actualização de Software ou através do site da Apple