Nanotecnologia e a Medicina

Nanotecnologia

O nanómetro não é uma partícula ou um componente da electrónica, mas é apenas uma mera forma de medida. O nome “nanotecnologia” foi criado e definido pela Universidade Científica de Tóquio, no ano de 1974. Entre 1980 e 1990 muitas outras teorias foram elaboradas em cima da definição básica criada por um professor da Universidade de Tóquio. Finalmente, no ano de 2000 a nanotecnologia começou a ser desenvolvida em laboratórios.

Os processadores de computador são, provavelmente, os componentes electrónicos que mais se utilizam da nanotecnologia. Evidentemente, o processador não tem dimensões em manómetros, mas as peças dentro dele são desta escala minúscula. Temos também as placas de vídeo, a NVIDIA como ATI possuem processadores gráficos (os famosos GPUs) elaborados com tecnologia nano. Vale frisar que cada novo modelo que sai, os GPUs ficam mais poderosos e ao mesmo tempo, tendem a utilizar uma tecnologia nano em menor escala. Algumas placas utilizam nanotecnologia de 90nm, já as placas mais modernas utilizam 55nm ou até menos.

Outro uso muito interessante é na conservação dos alimentos. Embalagem anti-microbiana feitas com filmes comestíveis a base de óleo de canela ou de orégão, ou nano partículas de zinco, cálcio ou outros materiais bactericidas; além disso, nano compostos de argila, que bloqueiam o oxigénio, fazem embalagens que dobram a validade de alimentos. Um protótipo desses já foi feito na Unicamp.

Na Medicina já existem várias aplicações na nanotecnologia (nano-medicina). Uma delas é o curativo do cancro, compostos de oxigénio sensíveis à luz estão sendo usados para tratar o câncer de pele, na chamada terapia foto-dinâmica. Ao receberem luz, eles danificam as células cancerígenas ao redor, que acabam formando uma crosta e sendo substituídas por tecidos sadios. Outra aplicação já disponível é a obturação natural. Ela não cai nunca. É um adesivo da 3M que se liga molecularmente ao dente.

Nano-robôs:

Existem dois tipos sendo pesquisados e desenvolvidos: os orgânicos, também denominados bionanorrobôs, e os inorgânicos. Bionanorrobôs serão fabricados a partir de estruturas de DNA e materiais orgânicos inspirados em bactérias e vírus programados. Sua função será identificar bactérias e vírus com acção negativa dentro do corpo e destruí-los. Os inorgânicos serão revestidos com estruturas de diamantes mecanicamente manipuladas e terão aplicações mais amplas e complexas, como realizar cirurgias não-invasivas e enviar medicamentos a células e órgãos específicos.

Em teoria, nano-robôs poderiam ser introduzidos no corpo, seja por via oral ou intra-venosa, e então identificariam e destruiriam células cancerosas ou infectadas por vírus, poderiam regenerar tecidos destruídos e fazer rapidamente uma infinidade de coisas que os medicamentos convencionais (baseados unicamente em química) não conseguem ou demoram para conseguir.

Nanotecnologia

Por exemplo, pode injectar um antibiótico em um paciente por meio de uma seringa para ajudar seu sistema imunológico. O antibiótico dilui enquanto viaja pela corrente sanguínea do paciente, fazendo com que somente uma parte chegue ao ponto de infecção. No entanto, um nano-robô – ou vários nano-robôs – poderia viajar directamente até o ponto de infecção e depositar uma pequena dose de medicação. O paciente possivelmente sofreria menos efeitos colaterais com a medicação.

Estes são alguns exemplos de aplicações dos nano-robôs:

Limpadores de pulmão
Centenas de nano-robôs entrando em uma cavidade bronquial a caminho dos pulmões. Ao chegarem lá acoplam-se à superfície do tecido pulmonar com o objectivo de retirar impurezas do pulmão.

Caçador de micróbios – Um nano-robô que imita uma célula branca flutuando na corrente sanguínea a caminho de um micróbio causador de doenças. O nano-robô irá captura-lo e elimina-lo.
Ataque aos inimigos – Outra versão do nano-robô capturador de micróbios, que utiliza tentáculos retrateis para cercar e capturar o inimigo.
Plaquetas mecânicas – Um nano-robô que auxilia na coagulação do sangue.
Reparadores de vasos – Nano-robôs menores que vírus e bactérias, cuja função é reparar vasos sanguíneos.
Reparadores de vasos – Nano-robôs menores que vírus e bactérias, cuja função é reparar vasos sanguíneos.
Gastronano-robôs – Nano-robôs usados para a detecção de infecções no estômago.

Fonte: Super, Nonomedicina

Alojamento Web

Boxee para Windows

Boxee

O Boxee, um media center opensource com integração de redes sociais, lançou hoje a sua nova versão.

A partir de hoje os utilizadores Windows podem usufruir do excelente software Boxee. O Boxee está agora disponível para 3 plataformas, Mac, Windows e Ubuntu.

A nova versão do Boxee integra também os vídeos do canal MLB.TV (Major League Baseball), possibilitando aos utilizadores o acesso a centenas de jogos de baseball, directos e conteúdo em HD.

De forma a distinguir o conteúdo local do conteúdo na Internet, o Boxee apresenta um novo layout de navegação.

Boxee

Cada vez mais social, o Digg está agora disponível no Boxee com uma interface bastante interessante que permite ver os vídeos submetidos pelos utilizadores.

Digg Boxee

Para os utilizadores do serviço Tumblr, o Boxee permite agora a partilha de músicas e slideshows automaticamente através da ferramenta media center. Foram introduzidos alguns programas do canal Current_.

Para finalizar, os utilizadores que estejam a correr o Boxee em Ubuntu, poderão agora ver os vídeos em HD (1080p) utilizando as drivers Nvidia.

Alojamento Web

Webtuga Software Show – 17/04/2009

webtugasoftwareshow

Antes de mais, queria pedir desculpa a todos os leitores do WebTuga pela minha ausência, mas foi inevitável, mudança de casa, endereço e outras coisas que me ocuparam o tempo.

Para o regresso, reservo-vos uma série de novas actualizações de software.

Lembrando que para efectuar o download dos ficheiros é só clicar neles e imediatamente começará o download.

Alojamento Web

Apple entra no mercado mini?!

O site 9to5mac publicou hoje uns “scans” de uma revista Russa que afirma que até ao final do ano irá sair um MacBook Mini com as seguintes specs:

• ecran de 10.4″ WXGA.
• 1280 x 768 pixel com iluminação LED.
• NVIDIA MCP79
• Intel Atom Z740 1.83GHz com 1MB L2 cache.
• 2GB DDR3-800.
• NVIDIA GeForce 9400M
• 64GB SSD.
• Bluetooth 2.1 + EDR, Wi-Fi 802.11a/b/g/n
• 1 x USB 2.0
• 1 x Mini Display Port
• Battery Li-Ion 5100mA

(cliquem nas imagens para ver maiores)

Informação de 9to5mac e fotos de 9to5mac

Como nota final quero dizer, como o dia das mentiras está quase aí não fiquem demasiado esperançosos, pode ser tudo um grande hoax!

Alojamento Web

Novos Mac Mini

Os rumores confirmam-se, a Apple lançou mesmo uma actualização nos Mac Mini tal como era previsto por alguns bloggers. O Mac Mini vê assim a sua gama renovada, igualmente com duas versões acompanhadas por uma NVIDIA GeForce 9400M e com slots expansíveis para memória até 4GB.

O modelo de 599€ tem 1GB de Ram, 120GB de Disco e um processador 2.0GHz Intel Core 2 Duo, com opção de escolha entre um 2.26GHz Intel Core 2 Duo, uma NVIDIA GeForce 9400M com 128mb de memória partilhada e ainda uma SuperDrive 8x.

Já o modelo de 799€ está equipado com 2GB de Ram, 320GB de Disco e a placa gráfica Nvidia GeForce 9400M tem 256mb de memória.

Não existem alterações relevantes a nível de design, sendo o sempre pequeno, bonito e adorável Mac Mini que todos nós conhecemos.

Para variar, o preço de conversão de $ para € tem o mesmo valor unitário, não havendo uma conversão do valor real da moeda.

Alojamento Web

Apple LED Cinema Displays Irão Suportar Versões Antigas dos MacBooks

Apple led cinema displays

O novo Apple LED Cinema Display levantou muitas duvidadas quanto à sua compatibilidade com as versões antigas do MacBook.

O facto de trazer apenas ligação para a Mini DisplayPort faz do Apple LED Cinema Display um produto muito limitado, apenas suportando a última versão dos MacBooks.. Steve Jobs veio dizer que a Apple está a trabalhar num adaptador DVI-DisplayPort.

Este adaptador ainda deve demorar algum tempo a ser lançado e enquanto isso o Apple LED Cinema Display será apenas compatível com os últimos modelos dos MacBooks.

Alojamento Web

MacBooks Trazem Sensores de Submersão

macbook

Os novos MacBooks e MacBooks Pro trouxeram muitas novidades nos métodos de construção e vem agora a saber-se ajudam-nos a ficar mais honestos!

Entre o teclado e o trackpad a Apple colocou dois sensores de submersão, que vão indicar se o portátil foi mergulhado ou exposto a muita humidade.

Desta forma a Apple arranjou uma forma engenhosa de se livrar de dar garantia a produtos que não cumprem as “regras”.

Alojamento Web

Como Funciona o Novo Trackpad

Quando fizemos a apresentação dos novos MacBooks e MacBooks Pro referimos que o novo trackpad é multitouch em vidro.

Referimos também que o novo trackpad não possui um botão físico, sendo todo o trackpad o botão. Isto quer dizer que ao carregar em qualquer parte do trackpad é como se tivéssemos a clicar no botão.

O multitouch destes novos trackpads suporta até 4 dedos, como podem ver melhor explicado no vídeo da parte da Keynote onde Steve Jobs explica como ele funcionam:

Alojamento Web

Unboxing do MacBook e MacBook Pro

Como já é habitual, a seguir ao lançamento de novos produtos da Apple vêm os tradicionais Unboxings.

Em baixo podem ver o Unboxing do MacBook e do MacBook Pro:

Alojamento Web

Vídeo de Como Fazem os Novos MacBooks

Durante a Keynote do Steve Jobs foi mostrado um vídeo onde aparece o Jonathan Ive e outras personalidades da Apple, onde mostram o processo de fabrico dos MacBooks: