Novo recorde batido nos jogos olímpicos de Pequim

Pois é, ao que parece foi batido um novo recorde mesmo no dia da cerimónia de apresentação dos jogos olímpicos de Pequim.

Sem razão aparente, foi detectado um gigantesco bsod (bluescreen of death) num dos painéis do evento.

Veja você mesmo:

Alojamento Web

Firefox Download Day

Spread Firefox

Não se esqueçam! Amanhã por volta das 8 horas será lançado Firefox 3.0.

Para além do lançamento do Firefox 3, a comunidade Mozilla pretende alcançar o recorde do guiness do software mais descarregado em 24horas.

Por isso já sabem, controlem o vosso relógio, porque amanhã todos os utilizadores do Firefox têm uma missão a efectuar.

Alojamento Web

Data oficial para o lançamento do Firefox 3

SpreadFirefox

Já há data oficial para o lançamento da versão final do Firefox 3.

Foi colocado ontem no blog da Mozilla Developer Center o anuncio da data oficial do lançamento do Firefox 3 que ficou agendado para o dia 17 de Junho.

Depois de mais de 34 meses de desenvolvimento, a terceira versão do Firefox está a ser finalizada e no dia 27, a comunidade SpreadFirefox pretende bater um recorde mundial.

Todos juntos vamos tentar ajudar a o Firefox a bater este recorde, por isso agendem no vosso calendário o download do Firefox 3 no dia 17 deste mês.

Alojamento Web

Firefox 3 Download Day 2008

Download Day

A comunidade Spread Firefox afirmou que deseja bater um recorde mundial do guinness para o software mais descarregado no espaço de 24 horas após o lançamento.

Esta é certamente uma grande aposta para divulgarem o Firefox 3 que apesar de ainda não ter data definida para o seu lançamento, não deve demorar muito tempo a estar disponível.

Até agora, eu e mais 1570 portugueses confirma-mos a nossa participação neste recorde do guinness e tu, de que estás à espera?

Alojamento Web

Violência nos Jogos

Um dos jogos mais esperados do ano para PC é o Grand Theft Auto IV da Rockstar Games.

Depois do lançamento do jogo para as plataformas de consolas da Sony e da Microsoft que já bateram recorde de vendas, o jogo tem gerado muita controvérsia.

Já há muito que se sabe que o GTA IV é um jogo violento, mas se não fosse violento ninguém o compraria, certo?

Apenas não percebo muito esta opinião de certos pais em relação a este jogo. O GTA é uma saga violenta? E o que se pode dizer acerca dos filmes de terror?

Antes de culparem os desenvolvedores de jogos ou os productores de filmes, os pais deveriam instruir os seus educandos de forma a ensinar-lhes o que é real do que é irreal, ficção ou animação.

O GTA é um jogo… os jogos servem para nos divertir-nos. Sem violência os jogos seriam monótonos.

Todo este artigo tem um propósito, dar os parabéns à Rockstar pela inovação que tem trazido aos videojogos, não só com o GTA, como também o Max Payne e o Bully.

E também dar os parabéns à Rockstar por me ter despertado para novas tecnologias e me ter "obrigado" a criar um site sobre GTA San Andreas, que acabou por ter um fórum que mais tarde se viria a tornar no WebTuga que é hoje em dia uma referência tecnológica.

Bons jogos…

Alojamento Web

Microsoft novamente multada pela União Europeia

Ouch! A União Europeia aplicou uma multa de 877 milhões de euros à Microsoft, por esta cobrar demasiado dinheiro à concorrência pelo acesso à documentação para criarem aplicações interoperáveis.

A Microsoft já se pronunciou e afirma que esta multa está relacionada com questões passadas, e frisa que agora funciona numa base mais aberta de acesso à documentação.

Fonte: Associated Press, via blog.softwarelivre.sapo.pt

Alojamento Web

Entrevista a Nuno Pinheiro, um dos responsáveis pelo interface do KDE 4

banner do KDE 4

Depois da entrevista aos responsáveis da Caixa Mágica, o Webtuga tem o prazer de apresentar a entrevista ao Nuno Pinheiro, uma das masterminds por detrás do KDE 4.

O KDE 4, recorde-se, é a nova versão do gestor de desktop KDE. Consigo trás muitas novidades, entre as quais uma nova framework multimédia e um interface brutal!

Passemos à entrevista.

Bruno: Eu segui com alguma atenção o desenvolvimento do KDE 4. Durante esse desenvolvimento, a data de lançamento da versão oficial sofreu alguns atrasos. Como lidou o projecto com eles?

Nuno: Com naturalidade, quando mudamos para este novo kde já havia uma ideia bastante clara do que pretendamos fazer, portanto enquanto a base dessas coisas não estivessem prontas não poderíamos fazer uma release.
Com este kde 4.0 as tecnologias base estão lá o que quer dizer que todo mar de aplicações KDE mas que não fazem parte do kde podem começar a fazer uso delas, sejam elas o phonon, strigi, solid, decibel ou o plasma.

Bruno: A versão 4.0 do KDE é um marco importante neste projecto, já que foram feitas várias alterações de fundo. Por essa internet fora tenho lido vários comentários que dizem que o KDE 4.0 não está pronto para produção. Qual é a tua opinião sobre isso?

Nuno: Não está claramente, dá para usar, mas não é um substituto para o 3.5 por exemplo.
Como disse na resposta anterior, esta release tem como principal objectivo os pilares do kde 4, e esses estão prontos code wise isto é o grosso do trabalho dos pilares esta feito, é a partir destes pilares que tudo o resto se vai construir, e na minha opinião de engenheiro civil são grandes e fantásticos pilares.
Acho incrível o que conseguimos especialmente que dê para usar e funcione minimamente.

Bruno: Recentemente, a Canonical anunciou que não iria suportar o KDE 4.0 na próxima versão Long Term Support do Ubuntu. Qual a tua opinião sobre esta decisão?

Nuno: Concordo acho que faz todo o sentido a Canonical tem a sua forma de funcionar e de acordo como trabalha não é possível eles de forma seria suportar o KDE 4.0.
Mais uma vez o kde tomou um risco muito sério com este 4.0 mas é um risco que acredito que era impossível de não tomar, se queremos realmente ser um desktop com capacidade de fazer frente a todos os outros, tínhamos de ser muito melhores que todos os outros m todos os aspectos. É isso que este kde promete, a capacidade de ser muito melhor que tudo o resto por aí. Não sei se vamos conseguir mas pelo menos devemos tentar.

Bruno: Eu tenho que admitir que acho o novo interface do KDE fabuloso, extraordinário. Como foi desenvolve-lo? Muito difícil, fácil, muitas dores de cabeça, muitos litros de café bebidos, muitos maços fumados?

Nuno: Obrigado.
🙂 Deixei de fumar e cortei no café a bastante tempo.
Como a maior parte das coisas do kde 4 o que se pode ver agora ainda está muito longe do que poderemos ter, sério é para ficar muito muito muito melhor, o que se vê agora aponta o caminho mas ainda tenho de trabalhar imensos aspectos e muito muito polimento das coisas.
O tema de ícones só estabilizou a cerca de dois meses.
O widget theme qt oxygen ainda precisa de muito muito trabalho até ficar perfeito.
Em relação aos plasmoids bem são mesmo muito recentes e pouquíssimo polidos, mas é normal porque o plasma é o pilar do kde que sendo mais revolucionário, também é o mais inacabado.
Mas é uma uma experiência fenomenal que me gastou a mim e a muitos outros milhares de horas e que outros milhares vai gastar.

Bruno: Os utilizadores de GNU/Linux costumam discutir, muitas vezes de uma forma pouco saudável, as virtudes do KDE em relação ao GNOME e vice-versa. Qual é a tua opinião sobre este assunto? Consideras que um é superior ao outro ou que são apenas duas escolhas entre tantas?

Nuno: Acho que muita gente que não sabe nada do assunto fala demais sobre o assunto.
Acho que o que une o gnome e o kde é muito mais do que os separa.
Acho que são diferentes.
Acho que as questões fundamentais que levaram o kde a dar um salto em frente deveram levar o gnome a também o dar. (o gnome tem questões internas muito importantes para decidir no próximo salto)
Acho que o qt 4.4 nos dá uma vantagem competitiva.
Acho a comunidade gnome fantástica.
Acho muita coisa 🙂

Bruno: Na tua opinião, achas que o GNU/Linux está pronto para o desktop ou consideras que ainda precisa de melhorar nesse campo?

Nuno: Acho que sim, eu uso em exclusivo para cima de 3 anos o kde 3.5 é completamente utilizável por qualquer pessoa. (experiência própria de por linux’s a trabalhar no mundo real com gente real de limitados conhecimentos de computadores, temos mais problemas com uma pessoa que julgue já dominar de computadores do que com aleguem que de facto não tenha grande experiencia).
O objectivo do kde 4 é colocar o kde e o Desktop Linux bem acima de outros Desktops.
Não sei se vamos conseguir mas vamos tentar. e sabemos que temos as tecnologias para o fazer.

Em nome do Webtuga, quero agradecer ao Nuno pela disponibilidade em responder a estas seis questões e desejar-lhe as maiores felicidades no desenvolvimento de interface do KDE.

Alojamento Web

Software Livre e Open Source

Winzip, Microsoft Office, Nero Burning Rom, Norton Antivirus. Nomes que nos são bastante familiares, ora porque são bastante publicitados e aparecem nas montras de qualquer loja, ou até por aconselhamento de um amigo ou entidade.

São talvez as primeiras soluções a que recorremos, muitas vezes de forma ilegal por alguns, sem sabermos que poderá haver uma alternativa similar, eficiente e sem qualquer custo.

Essa alternativa passa pela adopção de Software Livre e Software de código aberto, também denominado de Open Source. Segundo a Free Software Foundation, Software Livre é qualquer programa de computador que pode ser usado, copiado, estudado, modificado e redistribuído com algumas restrições. Enquanto que o Open Source é aquele cujo código fonte é de domínio público, podendo assim qualquer pessoa usá-lo, melhorá-lo, adaptá-lo ou corrigir qualquer erro. Portanto para quê gastar rios de dinheiro em software, ou para aqueles que o não podem gastar, para quê piratear? Se temos não uma, mas até várias alternativas livres e viáveis à distância de um click. Experimenta e decide por ti! Como exemplo, esta semana, deixo cinco programas de gravação de CD/DVD, alternativos aos “Neros??? e “Roxios??? que andam por aí:

CDBurnerXP Pro ImgBurn Infra Recorder cdrtfe Final Burner

Convido-vos a verem as características de cada um e a compararem com qualquer outra solução comercial, fazem basicamente o mesmo. Dos cinco o cdrtfe é o mais "velho" e diz-se ser o mais estável, mas também é o menos bonito e talvez a interface não seja tão amigável quanto os outros. O Infra Recorder ainda não possui suporte para apagar dvd-rw, apenas cd-rw, mas está previsto para a próxima release. De momento uso o ImgBurn e estou bastante satisfeito.

Até uma próxima!

Alojamento Web

Web 2.0 – Uma forma de ficar milionário…

Web 2.0 vendas

O sucesso dos sites Web 2.0 tem sido tanto, que os seus preços no têm batido recordes no mercado online. Repare na lista de sites que foram vendidos pelos maiores preços a outras empresas:

  1. YouTube pelo Google por 1650 milhões de dólares.
  2. iVillage pela NBC Universal por 600 milhões de dólares.
  3. Massive pela Microsoft por 200-400 milhões de dólares.
  4. Atom Entertainment (Shockwave.com) pela MTV por 200 milhões de dólares.
  5. 365 Media Group pela Sky por 140-150 milhões de euros.
  6. eDreams pela TA por 153 milhões de euros.
  7. DMarc pelo Google por 102 milhões de dólares.
  8. Xfire pelo Viacom por 102 milhões de dólares.
  9. Platform pelo Comcast por 80 milhões de dólares.
  10. Grouper pela Sony por 65 milhões de dólares.

Acho que vou pedir a reforma e me vou dedicar a fazer sites Web 2.0 … o que me dizem?

Alojamento Web