Pirates of Silicon Valley

Pirates of Silicon Valley

Pirates of Silicon Valley feito em 1999, é um filme não autorizado feito apenas para a televisão, pela TNT, escrito e dirigido por Martyn Burke. Baseado no livro Fire in the Valley: The Making of The Personal Computer, de Paul Freiberger e Michael Swaine, o filme documenta o nascimento da era da informática, desde o primeiro PC, através da histórica rivalidade entre a Apple e seu Macintosh e a Microsoft, indo desde o Altair 8800 do MIT, passando pelo MS-DOS, pelo IBM PC e terminando no Microsoft Windows.

O filme começa no início da década de 1970 e termina em 1985, pouco antes de Steve Jobs ser demitido da Apple por John Sculley.

Começando no campus da UCB (Universidade de Berkley) durante o período do Movimento Liberdade de Expressão, o filme expõe as aflições dos amigos Steve Jobs (Noah Wyle) e Steve Wozniak (Joey Slotnick)), que formariam a Apple Computer; e os estudantes de Harvard, Bill Gates (Anthony Michael), Steve Ballmer (John Di Maggio) e o amigo de Gates, Paul Allen (Josh Hopkins), que criariam a Microsoft.

Gates, Jobs e Wozniak deixariam a universidade (Jobs foi na realidade, um estudante do Reed College) por um curto período, mas isto não é documentado no filme; Wozniak logo regressaria à UCB) para poder tomar o papel no crescimento da revolução dos computadores pessoais. O filme é narrado pelo ponto de vista de Wozniak e Ballmer.

Vejam aqui o filme completo!

Pirates of silicon valleyPart 1


Pirates of silicon valleyPart 2


Pirates of silicon valleyPart 3


Pirates of silicon valleyPart 4


Pirates of silicon valleyPart 5


Pirates of silicon valleyPart 6


Pirates of silicon valleyPart 7


Pirates of silicon valleyPart 8


Pirates of silicon valleyPart 9


Pirates of silicon valleyPart 10

Elenco

Veja também

Ligações externas

Fonte desta informação: Wikipedia

10 thoughts on “Pirates of Silicon Valley”

  1. Pingback: planetgeek
  2. Pingback: planetgeek
  3. Pingback: Carlos Serrao
  4. Pingback: David Santos
  5. Pingback: NEI
  6. Caramba que nunca vi esse filme de culto.
    Um dia destes tenho de o apanhar… não dá jeito estar a vê-lo assim pelas várias partes do YouTube. Se fosse um podcast…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.